Em jogo de 7 gols, Manchester United bate o City no fim

Após sofrer empate nos acréscimos, Owen marca o gol da vitória dos Diabos Vermelhos por 4 a 3

AE, Agencia Estado

20 de setembro de 2009 | 12h19

Manchester United e Manchester City protagonizaram um clássico eletrizante neste domingo, no Old Trafford, pela sexta rodada do Campeonato Inglês. Jogando em casa, o United esteve por três vezes à frente no placar, mas permitiu o empate do City em todas elas, a última já nos acréscimos. Mesmo assim, teve forças para buscar a vitória por 4 a 3, que veio com um gol do atacante Owen, aos 50 minutos do segundo tempo.

Veja também: 

Inglês 09/10 - tabela Classificação / resultados / calendário

especialDê seu palpite no Bolão Vip do Limão

A vitória deixou o Manchester United na liderança, com 15 pontos, mas Chelsea e Tottenham, que se enfrentam ainda neste domingo, podem retomar a ponta até o fim da rodada. De quebra, a equipe do técnico Alex Ferguson também acabou com a invencibilidade do City no Inglês, deixando o rival local na quinta posição, com 12 pontos. A equipe derrotada, porém, ainda tem um jogo a menos.

Com Robinho vendo o jogo das arquibancadas - o brasileiro segue se recuperando de uma fratura por estresse no tornozelo - e Adebayor suspenso, o City sofreu o primeiro gol do arquirrival logo aos dois minutos de jogo. Evra foi quase até a linha de fundo e tocou atrás para Rooney na área. O atacante deixou dois marcadores caídos ao ameaçar o chute e depois tocou na saída do goleiro Given.

Mas o empate do City veio logo aos 16 minutos, e com participação fundamental do argentino Tévez, que reencontrou seu ex-time pela primeira vez desde que deixou o United. O goleiro Foster deu bobeira e o atacante roubou a bola, tocando para Barry, que chutou para o gol vazio. No primeiro tempo foi só, e na segunda etapa ainda brilhariam as estrelas de Fletcher, Bellamy e Owen.

Logo aos quatro minutos da etapa final, Giggs cruzou e Fletcher apareceu na área para marcar de cabeça, colocando novamente o Manchester United em vantagem. O empate do City veio apenas três minutos depois, em jogada individual de Bellamy. O atacante partiu para cima da marcação, achou espaço para o chute e arrematou de fora da área, cruzado, mandando no ângulo esquerdo de Foster.

Já aos 35, os anfitriões repetiram a jogada do segundo gol. Giggs cruzou para Fletcher e o volante testou para marcar. Quando o confronto parecia definido, o zagueiro Ferdinand errou a saída de bola e Bellamy disparou em direção ao gol, passando por Foster antes de empatar. Já aos 50, Owen, que tinha acabado de entrar, recebeu na área e bateu na saída de Given para decretar a vitória.

Ainda neste domingo pelo Campeonato Inglês, o Wolverhampton recebeu o Fulham e venceu por 2 a 1, conquistando sua segunda vitória na competição. Com o resultado, o time foi a sete pontos e se afastou da zona de rebaixamento. O Fulham, com um jogo a menos, tem seis pontos e também figura na parte de baixo da tabela.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.