Botafogo
Botafogo

Em jogo de Sassá, Botafogo vence o Paraná por 2 a 1

Cariocas ganham terceiro jogo consecutivo e lideram Série B

LUCIANO PÁDUA, ESPECIAL PARA A AE, Estadão Conteúdo

08 de setembro de 2015 | 21h29

O Botafogo venceu o Paraná por 2 a 1, nesta terça-feira, no estádio do Engenhão, no Rio, com dois gols do atacante Sassá - que entrou para mudar o rumo da partida -, pela 24.ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O time alvinegro carioca teve domínio do jogo, mas levou um gol muito cedo e teve que correr muito para obter os três pontos. Sassá mostrou estrela e foi essencial para vitória.

Com 45 pontos, o time carioca conseguiu a sua terceira vitória consecutiva e se mantém na liderança da Série B. A equipe paranaense interrompeu uma série de três vitórias e, com 32 pontos, está na 11.ª posição da tabela de classificação.

Leia Também

TABELA - Série B

As equipes voltam a campo nesta sexta-feira para a 25.ª rodada. O Paraná recebe o Paysandu no estádio Durival de Britto, em Curitiba, às 20h30. O Botafogo vai a Cariacica, no Espírito Santo, para jogar contra o Mogi Mirim, às 21h30.

O Botafogo começou o jogo bem. Com o time montado em linhas adiantadas, pressionava o Paraná. Mas Diego Giaretta quase botou tudo a perder ao errar a saída de bola, aos 13 minutos. Gustavo Sauer roubou a bola, driblou Roger Carvalho, bateu no canto de Helton Leite e abriu o placar para o Paraná.

Os cariocas, então, partiram para cima. Aos 17 minutos, após Tomás cobrar falta da entrada da área na barreira, a bola sobrou quicando na pequena área para Navarro, que chutou muito mal para fora. Dois minutos depois, Renan Fonseca cabeceou e o goleiro Felipe Alves salvou o time visitante. Aos 20, Luis Ricardo cruzou e Lulinha acertou uma bicicleta. Novamente, o goleiro do Paraná executou grande defesa.

A pressão botafoguense não cessou. Aos 25 minutos, Willian Arão levantou na área, Navarro subiu sozinho e cabeceou rente à trave. Aos 38, Tomás cobrou uma falta, a bola viajou, resvalou na cabeça de Roger Carvalho e entrou. Quando o Botafogo começava a comemorar, o árbitro marcou o impedimento - milimétrico - do zagueiro botafoguense.

Os times voltaram para o segundo tempo sem alterações. Mas o Botafogo não conseguiu manter o mesmo nível de pressão. Aos 16 minutos, Ricardo Gomes colocou Sassá em campo e ele mostrou que tem estrela: aos 25, a bola sobrou após escanteio, o atacante bateu forte e marcou o gol de empate do time alvinegro.

Aos 32 minutos, Sassá fez um gol de cabeça, anulado pelo árbitro devido a uma falta de Luis Henrique no lance. Aos 34, Elvis lançou Sassá, o atacante driblou o goleiro, mas chutou para fora. No minuto seguinte, o atacante recebeu belo cruzamento de Luis Henrique e cabeceou para fora. Aos 40, um lance perigoso para o Paraná. Crystian fez bela jogada individual, mas foi desarmado providencialmente pelo zagueiro Roger Carvalho e a bola foi para fora.

Aos 42 minutos, Sassá finalmente definiu o rumo da partida. Após levantamento de William Arão na área, Daniel Carvalho desviou de cabeça e a bola sobrou para Sassá, livre, marcar seu segundo gol no jogo. Virada emocionante do Botafogo no Engenhão.

OUTROS JOGOS:

Sampaio Corrêa  0 x 2 América-MG

Bahia 1x 0 Macaé

Bragantino 3 x 1 ABC

Boa Esporte 0 x 1 Mogi Mirim

Criciúma  2 x 3 Vitória

Santa Cruz 1 x 2 Paysandu

Luverdense 1 x 1 Atlético-GO

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSérie BBotafogoParaná

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.