Em jogo ruim, São Paulo e Santos não saem do 0 a 0

Resultado manteve a equipe tricolor fora do G-4 e o time santista na zona de rebaixamento

Tercio David, estadao.com.br

31 de agosto de 2008 | 17h55

Com o empate, o São Paulo chegou apenas a 38 pontos e não conseguiu voltar ao G-4. Já Santos, que pelo menos quebrou a série de seis vitórias seguidas do rival em casa, chegou a 23 pontos, mas segue na zona de rebaixamento, passadas 23 rodadas.Veja também: Classificação Resultados / Classificação Acompanhe outros detalhes da rodada no Território EldoradoDê seu palpite no Bolão Vip do Limão Teixeira diz que Kleber e Fabiano Eller ficam no Santos  Técnico do Santos aprova empate no clássico  Muricy diz que marcação do Santos foi o motivo do 0 a 0 Na próxima rodada, o São Paulo visita o Atlético-MG, no Mineirão, na quarta-feira. No mesmo dia, o Santos recebe o Vitória, na Vila Belmiro.No final de semana pós-rodada das Eliminatórias, o São Paulo recebe Flamengo, novamente no Morumbi. Já o Santos, encara o Fluminense, na Vila Belmiro. Os dois jogos acontecem no domingo, dia 14. Foi um primeiro tempo de pouquíssimas emoções. Mais preocupados em não perder, nem São Paulo e nem Santos se arriscaram no ataque.FUTEBOL FRACO  SÃO PAULO 0 Rogério Ceni; André Dias, Miranda e Rodrigo      (Eder Luís); Joilson (Zé Luís), Jean, Hernanes, Jorge Wagner e Richarlyson; André Lima e Borges Técnico: Muricy Ramalho  SANTOS 0 Douglas; Wendel, Fabiano Eller     , Domingos e Kleber (Wesley); Brum, Rodrigo Souto, Bida e Michael      (Carleto); Kléber Pereira e Cuevas (Molina) Técnico: Márcio Fernandes Árbitro: Carlos Eugênio Simon (Fifa-RS)Renda: Não disponívelPúblico: Não disponívelEstádio: Morumbi, em São Paulo (SP)Apenas um lance tirou o torcedor da cadeira no Morumbi, numa cabeçada de Rodrigo Souto na primeira trave - após escanteio cobrado por Kleber - que pode deixar o Santos nesta segunda - que Rogério Ceni pegou firme.No segundo tempo, o jogo melhorou porque os times se arriscaram mais no ataque, principalmente o São Paulo, que viu em André Lima a sua principal arma para tirar o 0 do placar.Aos 16, Jean cruzou bem da direita e André Lima cabeceou firme para grande defesa de Douglas. No rebote, o atacante são-paulino ainda tentou novamente, mas acertou a rede pelo lado de fora.No derradeiro lance da partida, o Santos ainda teve a chance de sair com a vitória. Já nos descontos, Bida fez grande jogada pela esquerda e cruzou rasteiro. Sozinho, Kleber Pereira furou na linha da pequena área para desespero da torcida santista e alivio da são-paulina.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.