Reprodução Twitter @GEBrasilOficial
Reprodução Twitter @GEBrasilOficial

Em jogo tenso, Brasil-RS derrota o Paraná e respira na luta contra o rebaixamento

Rafinha fez os dois gols da vitória do time gaúcho

Estadão Conteúdo

07 Novembro 2017 | 23h06

Em uma noite iluminada de Rafinha, o Brasil, de Pelotas (RS), fez as pazes com a vitória e respirou em relação à briga contra o rebaixamento. Com dois gols do meia, o time rubro-negro bateu em casa o Paraná por 2 a 0, no estádio Bento Freitas, pela 34.ª rodada, e acabou com o jejum de um mês sem ganhar no Campeonato Brasileiro da Série B.

+ Confira a classificação da Série B

Com o resultado, o Brasil-RS chegou aos 42 pontos e se distanciou um pouco dos últimos colocados. A última vitória havia sido no dia 3 de outubro sobre o Juventude por 1 a 0, em casa, em duelo gaúcho. Enquanto isso, o Paraná conheceu a segunda derrota seguida e só não saiu do G4 - a zona de acesso - porque o Oeste empatou com o Figueirense por 1 a 1, em Barueri (SP). Os paranaenses estão na frente dos paulistas no número de vitórias (16 contra 14).

O primeiro tempo começou quente com os jogadores dos dois times discutindo, mas poucos foram os lances de perigo. Jogando em casa, o Brasil-RS teve mais posse de bola e quase abriu o placar em falta cobrada por Rafinha - o goleiro Richard espalmou de manchete. Depois foi a vez de Marcinho assustar em finalização para fora. A primeira e única chegada do Paraná aconteceu aos 44 minutos em cabeçada de Maidana pela linha de fundo.

Na volta do intervalo, brilhou a estrela de Rafinha. Aos 11 minutos, Marcinho fez grande jogada individual pelo lado direito, invadiu a área e rolou para trás. Com o gol aberto, o meia só teve o trabalho de completar para as redes.

O Paraná respondeu em falta cobrada por Eduardo Brock, mas quem voltou a balançou as redes foi o Brasil-RS. Itaqui cobrou escanteio, Lincom cabeceou e Richard fez grande defesa. O rebote caiu nos pés de Rafinha, que não desperdiçou aos 25 minutos. A partida ficou tensa e os jogadores dos dois times se estranharam no centro do gramado. Já nos minutos finais, Brock só não diminuiu porque Marcelo Pitol fez grande defesa.

O Brasil-RS volta a campo neste sábado contra o Paysandu, às 19 horas (de Brasília), no estádio da Curuzu, em Belém. Na sexta-feira, o Paraná recebe o ameaçado Luverdense, às 21h30, no estádio Durival de Britto, em Curitiba. Os jogos serão válidos pela 35.ª rodada.

FICHA TÉCNICA

BRASIL-RS 2 x 0 PARANÁ

BRASIL-RS - Marcelo Pitol; Éder Sciola, Leandro Camilo, Teco e Marlon; Leandro Leite, Itaqui e Rafinha; Misael (Calyson), Marcinho (Cassiano) e Lincom (João Afonso). Técnico: Clemer.

PARANÁ - Richard; Cristovam, Maidana, Brock e Igor (Rayan); Gabriel Dias, Vinícius Kiss, Renatinho e João Pedro (Zezinho); Robson e Alemão (Vitor Feijão). Técnico: Matheus Costa.

GOLS - Rafinha, aos 11 e aos 25 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Marlon, Leandro Camilo, Teco, Éder Sciola, Marcinho e Rafinha (Brasil-RS); Igor, Gabriel Dias e Renatinho (Paraná).

ÁRBITRO - Eduardo Tomaz Aquino Valadão (GO).

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio Bento Freitas, em Pelotas (RS).

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.