Em Londres, seleção poderá ter retorno de Ramires

A seleção brasileira faz neste domingo, em Londres, o único treino para a partida de segunda-feira contra a Rússia, que encerra a miniexcursão de dois jogos pela Europa. O tour começou com um empate por 2 a 2 com a Itália, em Genebra (Suíça). O treinamento está marcado para Stamford Bridge, o estádio do Chelsea, também local do encontro com os russos.

ALMIR LEITE, Agência Estado

24 de março de 2013 | 07h57

Neste treinamento, o técnico Luiz Felipe Scolari vai definir a equipe para o amistoso. A grande expectativa é pelo aproveitamento de Kaká. Inicialmente, Felipão tinha a intenção de colocá-lo desde o início da partida. No entanto, depois da fraca atuação do meia do Real Madrid nos minutos que jogou contra a Itália, o treinador preferiu não garantir a escalação do jogador.

Há outro fator que pode pesar contra Kaká: o meia Oscar, que vem se saindo muito bem na seleção, jogará em casa, pois faz parte do elenco do Chelsea. "Tomara que jogar em casa faça uma boa diferença. Estou muito empolgado para conquistar em casa, não só por jogar em casa, mas pela seleção e na cidade em que estou vivendo... Vai ser bem legal", disse o meia ainda em Genebra, no sábado, antes do embarque da delegação para Londres.

Thiago Silva volta à zaga, no lugar de Dante, e Marcelo entrará na lateral esquerda, na vaga de Filipe Luís. Há também a possibilidade de Jean ser testado na lateral direita no lugar de Daniel Alves. Felipão talvez faça isso pelo menos em parte do jogo - neste caso, o jogador do Fluminense começaria entre os reservas.

O volante Ramires, também jogador do Chelsea, mas que não se apresentou para a partida contra a Itália por causa de uma contusão muscular, vai se reunir com a delegação para ser examinado pelo médico José Luís Runco e, se tiver condição, ficará como opção de banco.

Lucas, cortado por contusão, está em Londres desde a tarde de sábado, também por causa de uma avaliação com o médico da seleção. Ele fica durante a semana e vai ao estádio assistir à partida.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolseleção brasileiratreino

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.