Em Maceió, CRB e Boa empatam e ainda correm contra o rebaixamento

Igualdade por 1 a 1 no estádio Rei Pelé foi ruim para os dois times

Estadão Conteúdo

20 Outubro 2017 | 22h42

Na briga por pontos e posições na tabela de classificação, CRB e Boa empataram por 1 a 1, nesta sexta-feira, no estádio Rei Pelé, em Maceió, pela abertura da 31.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Os dois gols saíram no primeiro tempo, que foi bastante movimentado. No segundo, os clubes correram muito e produziram pouco, mas o resultado foi justo.

+ Guarani volta a vencer após nove jogos e se afasta da zona da degola

O time alagoano ficou com 38 pontos, em 15.º lugar, e ameaçado pelo rebaixamento. Vinha de empate em casa com o Náutico por 2 a 2. O Boa está com um ponto a mais, na 10.ª colocação, depois de empatar sem gols em casa com o líder Internacional. Em tese os dois clubes ainda correm risco de descenso nas últimas sete rodadas.

O CRB começou melhor, na pressão, e quase abriu o placar aos dois minutos, quando Neto Baiano finalizou já na pequena área, mas foi bloqueado por Caíque. O gol saiu aos 12, em uma cobrança de escanteio de Chico e que Adalberto se antecipou na primeira trave para desviar de cabeça. Ele até se abaixou.

O time da casa continuou com mais volume e quase ampliou aos 35 minutos, em um lance parecido ao do gol. Desta vez quem levantou o escanteio foi Diego e Adalberto apareceu no meio da área para testar. A bola, porém, foi para fora.

Até então, o visitante não tinha chutado nenhuma vez em gol, mas empatou aos 45 minutos. Após levantamento na área, Flávio Boaventura tentou aliviar e errou o chute. A bola ficou com Paulinho, que deu um corte em seu marcador a bateu forte para as redes.

No segundo tempo, o Boa acertou a marcação e não deu tanta liberdade para o CRB. O técnico Mazola Júnior ainda tentou dar mais força ofensiva com as entradas de Elvis e Zé Carlos, mas o time alagoano não conseguiu finalizar.

A rigor teve duas chances para marcar o gol da vitória. Uma em uma cabeçada de Adalberto para fora e outra, já nos acréscimos, em um chute de longe de Zé Carlos e que Fabrício se atirou para espalmar. O Boa, que só se defendeu, gostou do ponto conquistado longe de casa.

Na 32.ª rodada, o CRB vai enfrentar o Figueirense, em Florianópolis, na próxima sexta-feira, às 19h15. No sábado, às 16h30, o Boa recebe o América-MG, em Varginha (MG), no duelo mineiro.

FICHA TÉCNICA

CRB 1 x 1 BOA

CRB - Edson Koln (Bruno); Edson Ratinho, Flávio Boaventura, Adalberto e Diego; Olívio, Danilo Pires (Elvis), Chico e Tony; João Paulo e Neto Baiano (Zé Carlos). Técnico: Mazola Júnior.

BOA - Fabrício; Ruan, Caíque, Douglas Assis e Paulinho; Escobar, Diones, Thaciano, Fellipe Mateus (Lucas Hulk) e Wesley (Alyson); Reis (Rodolfo). Técnico: Nedo Xavier.

GOLS - Adalberto, aos 12, e Paulinho, aos 45 minutos do primeiro tempo.

CARTÕES AMARELOS - Neto Baiano, Flávio Boaventura, Diego, Elvis e Chico (CRB); Felipe Mateus, Wesley, Ruan, Caíque, Reis, Paulinho e Thaciano (Boa).

ÁRBITRO - Rodrigo Nunes de Sá (RJ).

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio Rei Pelé, em Maceió (AL).

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.