Vitor Silva/SS Press
Vitor Silva/SS Press

Em maratona de decisões, Botafogo recebe o Cuiabá pela 2ª fase da Copa do Brasil

Nesta fase, quem vencer avança e em caso de empate, a vaga é decidida na disputa por pênaltis

Redação, Estadao Conteudo

27 de fevereiro de 2019 | 08h00

O Botafogo segue em momento decisivo na temporada de 2019. Depois de se classificar na Copa Sul-Americana e empatar contra o Vasco em clássico pelo Campeonato Carioca, a equipe se concentra na disputa da segunda fase da Copa do Brasil em confronto único contra o Cuiabá-MT, nesta quarta-feira, às 21h30, no estádio do Engenhão, no Rio de Janeiro.

Nesta fase da competição, a classificação é definida em um único jogo que, por sorteio, foi definido com mando de campo da equipe carioca. Quem vencer avança para a próxima fase e em caso de empate, a vaga é decidida na disputa por pênaltis.

As duas equipes vêm de vitória na primeira fase da Copa do Brasil. O Botafogo passou pelo Campinense-PB ao vencer por 2 a 0 no estádio Amigão, em Campina Grande (PB), enquanto que o Cuiabá bateu o Ypiranga-AP por 1 a 0 no estádio Zerão, em Macapá.

A grande novidade no Botafogo deve ser a presença do meia Cícero, relacionado pelo técnico Zé Ricardo pela primeira vez. No entanto, o treinador afirmou que deve manter a base que vem utilizando nas últimas partidas, com o reforço começando como opção no banco de reservas.

Quem está garantido é o centroavante Kieza, que retorna após ficar de fora do clássico contra o Vasco. Na ocasião, Erik foi utilizado como atacante de referência. Apesar da confiança do treinador, Kieza não vive boa fase e ainda não balançou as redes na temporada.

"Eu gosto de ter um camisa 9. O Kieza retorna para essa partida. Já utilizamos o Erik ali e também os dois juntos. O papel que ele vem desempenhando, de abrir espaços, ajuda bastante na bola aérea ofensiva. Os gols não estão saindo, mas isso é normal. Daqui a pouco ele volta a marcar gols. É dar confiança", afirmou o técnico.

Para se classificar no tempo normal, o Botafogo terá que fazer algo inédito na temporada, já que o Cuiabá ainda não conhece qualquer derrota em 2019. A equipe lidera o Campeonato Mato-Grossense com cinco vitórias e um empate e venceu também a partida da primeira fase da Copa do Brasil.

O técnico Itamar Schulle deve mandar a campo o que tem de melhor, com a exceção do volante Marino, um dos atletas mais experientes do elenco, que está lesionado. Com passagens por clubes como Atlético Goianiense, Sport, Ceará e São Caetano, o jogador de 33 anos é um dos líderes do Cuiabá desde a boa campanha na Série C de 2018 que culminou com o vice-campeonato e o acesso á Série B do Campeonato Brasileiro.

Tudo o que sabemos sobre:
Copa do BrasilBotafogofutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.