Em meio à desmanche no elenco, Internacional recebe a Chapecoense no Beira-Rio

A eliminação na Copa Libertadores, na fase semifinal, apressou o processo de reformulação no elenco do Internacional. Neste domingo, às 16 horas, o time colorado entra em campo no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre, para enfrentar a Chapecoense, pela 16.ª rodada do Campeonato Brasileiro, sem três de seus principais jogadores do elenco.

Estadão Conteúdo

02 de agosto de 2015 | 07h06

O atacante Nilmar foi anunciado pelo Al Nasr, dos Emirados Árabes Unidos, e nem apareceu mais para treinar ao longo da semana. O volante Aráguiz também está de malas prontas e espera o acerto com o Leicester City, da Inglaterra. Já o lateral-esquerdo Geferson, que teria que cumprir suspensão neste domingo, negocia com a Sampdoria, da Itália.

Em compensação, o técnico uruguaio Diego Aguirre confirmou a presença do meia D''Alessandro na partida. O argentino ficou de fora do treino da última sexta-feira e não revelou qual seria o problema. "A ideia é que jogue domingo", disse o treinador.

Com a ausência de Nilmar, Valdívia deve voltar ao time titular. A equipe perde um pouco de ofensividade, mas ganha na criação das jogadas. Eduardo Sasha também continua na equipe, com Lisandro López no ataque.

No lugar de Geferson, o técnico uruguaio optou por improvisar Ernando, com Réver e Juan formando a dupla de zaga. E no meio de campo, Anderson continua no lugar de Aránguiz, que já havia desfalcado o Internacional no empate contra a Ponte Preta, na última rodada.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoInter

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.