Reprodução
Reprodução

Em meio a novela sobre transferência, Neymar aparece jogando futevôlei

Brasileiro não se apresentou ao PSG para a pré-temporada; imprensa espanhola divulga estratégias do Barcelona

Redação, O Estado de S.Paulo

10 de julho de 2019 | 10h25

A novela envolvendo um possível retorno de Neymar ao Barcelona está dominando as capas dos jornais esportivos da Espanha. A complicada negociação a cada dia ganha novas informações, que vão desde a forma de pagamento, envolvendo outros jogadores, a uma possível investida do Real Madrid pelo jogador.

O Mundo Deportivo destacou a fala do presidente Josep Maria Bartomeu durante a apresentação do goleiro brasileiro Neto. O dirigente disse que não havia novidades no caso desde sua última entrevista, quando disse que o "Neymar quer sair do PSG, mas o PSG não quer negociar". O diário afirma que o clube não vai investir grandes quantias na negociação e estaria disposto apenas a fazer trocas para repatriar o astro da seleção brasileira. 

Já o As explica que a estratégia da diretoria catalã será a paciência. O objetivo é esperar que a relação entre o Paris Saint-Germain e seu principal jogador vá se desgastando com o tempo e uma transferência se torne inevitável. A primeira rusga já aconteceu. Neymar não apareceu no primeiro dia de treinamentos da equipe francesa. Leonardo, novo diretor do time parisiense,  negou a versão dita pelo pai do atleta, de que o atraso havia sido combinado com o clube e reforçou que uma punição será aplicada.

Enquanto não volta ao trabalho, Neymar apareceu nas redes sociais jogando futevôlei em uma quadra recém-inaugurada no bairro Butantã, em São Paulo. "Treino de hoje com o melhor do mundo. Saímos invictos", postou o jogador profissional Bello Soares.

Briga com Real Madrid 

Em sua capa desta quarta-feira, o Sport revelou um possível interesse do Real Madrid na compra de Neymar. O  presidente merengue Florentino Pérez estaria disposto a começar uma negociação ao saber do interesse do brasileiro em deixar a capital francesa.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.