Em Milão, Buffon diz que Itália deixou 'má impressão'

Depois de ser eliminada na primeira fase da Copa do Mundo, a seleção italiana desembarcou em Milão na manhã desta quinta-feira. De forma discreta, a delegação nacional passou rapidamente pelo Aeroporto de Malpensa, onde um pequeno grupo de torcedores e muitos jornalistas aguardavam pelos jogadores.

AE-AP, Agência Estado

26 de junho de 2014 | 12h05

Um dos poucos a conversar com a imprensa no desembarque da seleção, o goleiro Buffon evitou falar sobre as críticas ao atacante Mario Balotelli, que decepcionou no Mundial. Ele se limitou a dizer que a Itália "deixou uma má impressão" no Brasil.

Um avião fretado ainda levaria uma parte da delegação para Roma, sendo que em Milão Balotelli se esquivou da imprensa, deixou o aeroporto ao lado da noiva, Fanny Neguesha, e entrou com pressa em uma van que o esperava no local.

A Itália foi eliminada de forma precoce do Mundial depois de ter estreado com uma vitória sobre a Inglaterra e amargado derrotas para Costa Rica e Uruguai. Assim, repetiu o fracasso da Copa de 2010, na África do Sul, onde também deu adeus à competição na primeira fase.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolItáliaBuffon

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.