Rubens Chiri/São Paulo FC e Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians
Rubens Chiri/São Paulo FC e Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Em momentos distintos, Jean e Cássio fazem duelo particular no clássico

São Paulo e Corinthians se enfrentam neste sábado às 21h no Morumbi pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro

Daniel Batista e Matheus Lara, O Estado de S.Paulo

21 de julho de 2018 | 07h00

O clássico entre São Paulo e Corinthians terá diversos embates durante a partida, mas um, em especial, chama a atenção pelo momento distinto que os protagonistas vivem. Cássio é adorado pelos corintianos, acaba de voltar da Copa do Mundo e ainda curte a atuação de gala diante do Botafogo. Já Jean, em menos de sete meses, já viveu a euforia da titularidade, amargou o banco de reservas e hoje ganha nova oportunidade de mostrar sua qualidade.

Desfalcado, São Paulo divulga relacionados para clássico com o Corinthians

Roger sofre lesão e desfalca o Corinthians em clássico com o São Paulo

Jean foi contratado pelo São Paulo por R$ 10 milhões do Bahia com a dura missão de tentar resolver a dificuldade da equipe em achar um goleiro que passasse confiança e fizesse a torcida não sentir tantas saudades de Rogério Ceni. 

O ex-jogador do Bahia teve uma sequência de seis jogos como titular, entre fevereiro e março, enquanto Sidão se recuperava de uma lesão, mas falhou nos jogos contra Palmeiras e São Caetano, no Paulistão, e ainda se envolveu em uma polêmica ao supostamente ter alimentado rusgas com Sidão no vestiário tricolor. Situação logo contida e abafada pelo clube. 

Agora, Sidão está suspenso pelo terceiro cartão amarelo e Jean ganha uma nova chance depois de quatro meses. Embora pareça titular absoluto de Diego Aguirre, o atual titular da meta tricolor ainda não caiu nas graças da torcida tricolor. Jean espera aproveitar tal desconfiança para mostrar serviço e tentar ameaçar a condição do experiente concorrente.

No outro lado, Cássio não tem do que se preocupar. Titular absoluto, embora tenha como reservas Walter e Caíque, dois goleiros que foram bem quando exigidos, não corre risco algum de perder posição. Pelo contrário. Seu nome tem sido especulado em alguns clubes do exterior e ele se tornou notícia em diversas partes do mundo nessa semana, depois da atuação de destaque contra o Botafogo.

Na vitória do Corinthians por 2 a 0 sobre o clube carioca, na quarta-feira, o "Gigante", como é chamado carinhosamente pelos companheiros, realizou pelo menos quatro grandes defesas e garantiu o resultado positivo. 

O São Paulo inicia a rodada como vice-líder do Brasileiro, com 26 pontos. Já o Corinthians é o 8º colocado, com 19 pontos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.