Lucas Figueiredo/CBF
Lucas Figueiredo/CBF

Em setembro, seleção pega Argentina em São Paulo; Tite convoca nesta sexta-feira

Além da partida diante dos argentinos, Brasil enfrenta Chile e Peru pelas Eliminatórias da Copa do Catar

Redação, Estadão Conteúdo

10 de agosto de 2021 | 08h16

A seleção brasileira já tem o seu calendário e locais de jogos definidos para a próxima Data Fifa, quando serão disputados três jogos em setembro válidos pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022. No dia 2, o Brasil enfrenta o Chile. No domingo seguinte, dia 5, o adversário será a Argentina. O fechamento desta etapa será contra o Peru, no dia 9. Nesta sexta-feira, na sede da CBF, no Rio de Janeiro, o técnico Tite convocará a equipe para estes três compromissos. A divulgação da lista está marcada para as 11 horas.

Líder das Eliminatórias com 100% de aproveitamento até aqui, a seleção brasileira vai a Santiago, capital chilena, enfrentar os donos da casa. Enquanto o Brasil soma 18 pontos e vem de vitórias contra Equador e Paraguai nas últimas duas rodadas, o Chile teve uma sequência de dois empates em junho, contra Argentina e Bolívia, e está na sétima colocação, com seis pontos.

Três dias depois, em 5 de setembro, Brasil e Argentina se enfrentam em São Paulo, na Neo Química Arena, às 16 horas. Marcado anteriormente para março deste ano, o confronto foi adiado por conta da pandemia do novo coronavírus e confirmado para esta data pela Conmebol.

Assim como os chilenos, a Argentina também vem de uma sequência de dois empates em junho, contra o próprio Chile e também contra a Colômbia. Atualmente, os argentinos ocupam a segunda colocação na tabela de classificação das Eliminatórias.

Contra o Peru, no dia 9 de setembro, a seleção brasileira fecha esta Data Fifa na Arena Pernambuco, no Recife, às 21h30. Na última posição, os peruanos conquistaram a sua primeira vitória nestas Eliminatórias exatamente na última rodada, quando bateram o Equador por 2 a 1.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.