Bruno Cantini/Divulgação
Bruno Cantini/Divulgação

Em tom de despedida, Otamendi elogia Atlético e torcida

No segundo semestre, o zagueiro argentino vai defender o Valencia, da Espanha

Agência Estado

16 de maio de 2014 | 16h05

BELO HORIZONTE - A curta passagem do zagueiro Nicolas Otamendi pelo Atlético Mineiro está perto do fim e o jogador já fala em tom de despedida. Alvo constante de elogios da torcida, o jogador argentino agradeceu o apoio que recebeu desde a sua chegada, no início do ano, e prometeu que nunca vai esquecer o clube e os torcedores.

"Falei, muitas vezes, que o carinho da torcida do Atlético foi algo impressionante e fico muito feliz. Domingo, me emocionei com a torcida gritando meu nome. É algo que não acontece com todos os jogadores. E a verdade é que vou estar sempre agradecido, não somente à torcida, que desde o primeiro dia me recebeu da melhor forma, mas também ao Atlético, por me dar a possibilidade de jogar em um grande clube", destacou o defensor atleticano, cedido por empréstimo ao Atlético-MG até o fim de junho.

"A torcida é algo que me fez sentir muito bem, isso me dá alegria, satisfação em saber que fiz um bom trabalho em pouco tempo que estou aqui no Atlético. Quero agradecer a ela pelo apoio de sempre, que é importante para o jogador ter o apoio da torcida. O jogador gosta disso, então, sou um afortunado", acrescentou Otamendi.

No segundo semestre, o zagueiro argentino vai defender o Valencia, da Espanha, que o adquiriu junto ao Porto, de Portugal, por 12 milhões de euros na última janela de transferências, mas não pôde inscrevê-lo e acabou o emprestando para o Atlético-MG. O zagueiro argentino se lembrou da boa recepção que teve no time mineiro.

"Vou estar sempre agradecido aos meus companheiros, que me ajudaram a me adaptar o mais rápido possível. Os funcionários também me receberam da melhor forma e isso dá confiança, alegria para entrar em campo, fazer meu trabalho e ajudar a equipe", comentou.

Otamendi destacou que a vitória sobre o Cruzeiro, no último domingo, dará mais tranquilidade para o time no duelo deste domingo com o Santos na Arena Pantanal. "A vitória foi importante, tem outro clima, dá para pensar um pouco mais. Somos conscientes da situação em que estamos e sabemos que o Atlético precisa da vitória. Vamos fazer o nosso melhor para continuar por um caminho bom", disse.

Incluído na lista prévia de 30 jogadores da seleção da Argentina na Copa do Mundo, Otamendi agora trabalha para fazer parte da relação final de convocados do técnico Alejandro Sabella. E caso isso aconteça, ele ficará hospedado na Cidade do Galo durante a competição.

"Estou feliz porque estar na lista de 30 jogadores da seleção da Argentina para o Mundial é algo muito importante. Trabalhei dia a dia para conseguir estar dentro, sabendo que ainda falta uma lista de 23 jogadores, que é a lista principal. Espero continuar da mesma forma e fazendo meu trabalho, que é render dentro do campo", comentou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.