Erico Leonan/Divulgação
Erico Leonan/Divulgação

Em treino fechado, São Paulo se reapresenta e Gilberto volta aos treinos

Equipe faz trabalho especial para o clássico contra o Palmeiras, dia 7

O Estado de S.Paulo

30 de agosto de 2016 | 18h46

Três jogadores em processo de recuperação voltaram a treinar nesta terça-feira e podem, em breve, a ficar à disposição do técnico Ricardo Gomes no São Paulo. Um deles é o atacante Gilberto, que ficou fora do jogo contra o Coritiba por sentir dores na panturillha direita. Ele foi a campo nesta terça-feira, ainda sob cuidados de um fisioterapeuta. Sua presença no clássico contra o Palmeiras, dia 7, ainda é incerta.

Já o zagueiro Douglas, segundo o clube, mostrou evolução de uma lesão muscular e foi liberado da parte médica para treinar no com o elenco. Quem também vou aos treinos foi o goleiro Renan Ribeiro, que veio a campo pela primeira vez em quase dois meses. Durante esse tempo, ele ficou no Reffis tratando de uma fratura por estresse nas costas.

O elenco do São Paulo se reapresentou nesta terça-feira no CT da Barra Funda. Foi a primeira atividade do time depois do empate contra o Coritiba por 0 a 0 no Morumbi. O treino foi fechado à imprensa e será assim até sexta-feira. Após a invasão de torcedores ao CT do São Paulo, no sábado, a diretoria decidiu dar mais privacidade aos atletas.

“Definimos uma programação especial para a semana por acreditarmos que o momento pede foco total no trabalho. Os treinos fechados em dois períodos permitirão à comissão técnica extrair o melhor do elenco. Dessa forma, aproveitamos este raro período sem jogos. Avaliamos, assim, que haverá benefício esportivo”, disse o diretor de futebol José Jacobson Neto.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.