Embaixadora, Miss Brasil quer promover a Copa no Miss Universo

Gaúcha Gabriela Markus foi nomeada embaixadora da Copa de 2014 pelo prefeiro de Porto Alegre, José Fortunati

Luiza Vieira, Especial para o Estado de S. Paulo

28 de novembro de 2012 | 20h57

A Miss Brasil 2012, Gabriela Markus, foi nomeada a primeira mulher embaixadora da Copa do Mundo de 2014. A escolha partiu da prefeitura de Porto Alegre, uma das cidades-sede do evento. Gabriela vai ser uma das representantes do País no Mundial e vai usar o título de Miss para divulgar a imagem do Brasil mundo afora.

Engenheira de alimentos, Gabriela assumiu o posto de Embaixadora da Copa na terça-feira, 27. "O convite foi surpresa. Eles me enviaram por e-mail e eu disse que claro que queria. Em momento algum eu imaginei que podia receber um título assim. E eu sou a primeira mulher. Fiquei muito feliz em ser honrada com essa posição!".

Por enquanto, seu novo posto não lhe exige uma agenda oficial, apenas divulgação. Segundo Gabriela, ela ainda não foi informada sobre compromissos como embaixadora, mas acredita que os eventos devem começar a partir do próximo ano, com uma programação pré-definida. No entanto, a Miss afirma que quer citar sua função no Mundial sempre que possível.

A primeira grande oportunidade será o Miss Universo, que acontece no dia 19 de dezembro, em Las Vegas. Além de representar a beleza brasileira, Gabriela pretende chamar a atenção do mundo para a Copa de 2014. "Eu ganhei um botom do prefeito Fortunati e já coloquei na minha faixa de Miss. Vou aproveitar o Miss Universo para mencionar nosso País, fazer propaganda do Brasil", afirma a gaúcha, de 23 anos. Sobre o concurso, a Miss afirma que não está nervosa, mas, sim, ansiosa. "Estou me preparando, me concentrando. Só de ir pra lá já é uma experiência muito grande".

Gremista, Gabriela diz que vai aos estádios sempre que possível e que acompanha os jogos pela televisão. Mas o esporte preferido da musa é outro: o basquete. O motivo? Seu irmão é jogador e atua pelo CEAT-Bira, um time de Lajeado, no interior.

Embaixador da Copa

O título de Embaixador da Copa não implica em responsabilidades executivas. Cabe ao embaixador representar o País nos eventos da Fifa e atuar na promoção da imagem da Copa do Mundo do Brasil em 2014. Nesta edição, nomes como Pelé e o artista plástico Romero Britto compõe esse time de representantes. Confira as personalidades que já foram embaixadores do país:

Mano Menezes, ex-técnico da seleção brasileira de futebol

Lúcio, zagueiro e capitão da seleção brasileira de futebol

Oswaldo de Lia Pires, advogado, por sua experiência e contribuição para realização e organização da Copa do Mundo do 1950 em Porto Alegre

Carlos Eugê nio Simon, árbitro de futebol do quadro da FIFA que faz sua última Copa do Mundo depois de ter atuado nas Copas do Mundo de 2002 e 2006

Altermir Hausmann e Roberto Bratz, árbitros assistentes de futebol do quadro da FIFA que completaram o trio de árbitros brasileiros escalados para a Copa do Mundo de 2010

Aílton Corrêa Arruda, o Manga (Copa do Mundo de 66)

Alcindo Martha de Freitas, o Bugre (Copa do Mundo de 66)

João Batista da Silva (Copas do Mundo de 78 e 82)

Cláudio André Mergen Taffarel (Copas do Mundo de 90, 94 e 98)

Valdomiro (Copa do Mundo de 74)

Márcio Roberto dos Santos (Copa do Mundo de 94)

Paulo Isidoro (Copa do Mundo de 82)

Silas (Copas do Mundo de 86 e 90)

Mário Peres Ulibarri, o Marinho Peres (Copa do Mundo de 74)

Edinho (Copas do Mundo de 78, 82 e 86)

Edu (Copas do Mundo de 66, 70 e 74)

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.