Sirli Freitas/Chapecoense
Sirli Freitas/Chapecoense

Emerson Cris aposta no esquema defensivo para segurar Vasco em São Januário vazio

Equipe catarinense precisa da vitória para se afastar do Z-4 e brigar por vaga na Libertadores

Estadão Conteúdo

30 de setembro de 2017 | 08h06

O técnico Emerson Cris encerrou a preparação da Chapecoense para a partida contra o Vasco, neste sábado, às 16 horas, no estádio de São Januário, no Rio, pela 26.ª rodada do Campeonato Brasileiro, com um leve rachão, sem dar muitas pistas sobre o substituto de Lucas Marques, vetado pelo departamento médico com uma lesão de grau 2 na coxa direita. A expectativa é que Elicarlos forme o meio de campo com Moisés Ribeiro e Lucas Mineiro.

+ 'Mais perto' da Libertadores, Vasco joga em casa de olho nos primeiros colocados

O treinador ainda falou sobre a manutenção do time com três volantes. "Temos criado uma forma de jogar com uma pegada forte no meio de campo. São três volantes de muita força, mas com qualidade para sair com a bola. Isso tem nos deixado com um setor defensivo bem sólido e ainda chegando bem a frente", afirmou Emerson Cris, em coletiva de imprensa.

Por outro lado, o zagueiro Douglas Grolli retorna ao time após cumprir suspensão automática pelo terceiro cartão amarelo na vitória diante da Ponte Preta. Ele entra na vaga de Douglas, atuando ao lado de Fabrício Bruno, com Apodi e Reinaldo nas laterais.

"Tivemos um grande resultado contra a Ponte Preta, mas agora temos que pensar no Vasco. Precisamos ter os pés no chão para realizar um bom jogo e sair com o resultado positivo", disse Emerson Cris, que ainda lembrou sobre a punição vascaína - o jogo em São Januário será sem torcida.

"O apoio do torcedor é sempre importante. Mandantes sempre levam vantagem. Esse fator pode nos ajudar, mas estamos jogando no campo deles. Temos que ficar atentos a tudo, porém, cada jogo tem sua história. Vai depender muito do nosso espírito para manter a performance e colher os frutos", completou o treinador.

O triunfo diante da Ponte Preta fez a Chapecoense ganhar quatro posições na tabela de classificação. O time catarinense é o 10.º colocado com 31 pontos, três na frente do São Paulo, o 17.º.

Tudo o que sabemos sobre:
Chapecoensefutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.