Arquivo/AE
Arquivo/AE

Emerson ganha perdão por ir à balada em Santos

'Uma porção de jornalistas vai à balada, enche a cara e não acontece nada', afirma Luxemburgo

AE, Agencia Estado

18 de agosto de 2009 | 20h24

Emerson confirmou a Vanderlei Luxemburgo, nesta terça-feira, que realmente foi para a balada na madrugada de quinta-feira passada, bebeu, mas não saiu carregado. O jogador acabou perdoado pelo técnico.

 

Veja também:

linkSantos espera aproveitar mando para crescer

especialMASCOTES - Baixe o papel de parede do seu time

especialVisite o canal especial do Brasileirão

Brasileirão 2009 - lista Tabela | tabela Classificação

especialDê seu palpite no Bolão Vip do Limão

"Acho que essa é uma preocupação desnecessária. Uma porção de vocês [jornalistas] vai à balada, enche a cara e não acontece nada. Emerson me disse que foi à boate e o resto é tudo mentira", afirmou Luxemburgo, criticando as proporções exageradas do episódio. "Até parece que é proibido tomar uísque e cerveja".

O treinador revelou que Emerson se apresentou ao Santos com 98 quilos, agora está com 92 e até o fim de semana deve atingir o peso ideal, de 89 quilos. "A estreia dele tanto poderá ser no domingo contra o Goiás, no Serra Dourada, como na quarta-feira da próxima semana, contra o Internacional, na Vila Belmiro", afirmou.

Ao contrário do técnico, o preparador físico Antônio Mello disse à Rádio Cacique de Santos que o volante ainda vai precisar de 10 dias para atingir o peso ideal.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.