Emerson isenta Tite e pede que Corinthians admita erros

Corinthians sofre goleada de 4 a 0 diante da Portuguesa

AE, Agência Estado

29 de setembro de 2013 | 18h35

SÃO PAULO - O atacante Emerson pediu neste domingo, após a goleada de 4 a 0 da Portuguesa sobre o Corinthians, que o grupo de jogadores alvinegros admita seus erros. Para ele, essa é a melhor forma de reverter um quadro preocupante. Ao ser goleado pelo time lusitano em Campo Grande (MS), o atual campeão mundial chegou a oito jogos sem vencer. No período, fez só um gol.

"É o momento de ter a grandeza de reconhecer que não está legal", disse Emerson, na saída do gramado do Morenão. "A única maneira de sair da situação é trabalhando, ter a consciência do que está errado... O grupo é vitorioso, não precisa provar nada para ninguém não, embora no futebol você tenha de provar todo dia", disse o jogador.

Emerson também isentou o técnico Tite, que balança no cargo durante essa sequência ruim e pode até voltar de Campo Grande desempregado. "O Tite não tem culpa nenhuma, essa é a mesma equipe que conquistou todos estes campeonatos, mudando um, dois ou três jogadores. A responsabilidade é de todos, mas a culpa é dos jogadores."

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCorinthiansBrasileirão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.