Felipe Rau / Estadão Conteúdo
Felipe Rau / Estadão Conteúdo

Emerson provoca Dudu e rebate presidente do Palmeiras: 'Doente mental'

Andrés Sánchez também responde a declaração de Maurício Galiotte, que chamou estadual de 'Paulistinha'

Estadão Conteúdo

09 de abril de 2018 | 10h54

Após ser campeão paulista no Allianz Parque, o Corinthians foi comemorar o título em cima do Palmeiras em uma casa noturna na zona sul de São Paulo. O sempre polêmico Emerson Sheik falou sobre as declarações do presidente do Palmeiras, Maurício Galiotte, que afirmou que o clube alviverde é "muito maior que um Paulistinha".

+ Carille se reinventa, mostra versatilidade e se mantém no topo

+ Rodriguinho cresce e vira protagonista com gols decisivos no Corinthians

Em entrevista ao SporTV, na entrada da festa, o atacante disse que Galiotte é um "doente mental" e rebateu a declaração que julgou infeliz. "Ele acaba desmerecendo as equipes que disputaram a competição, a Federação, os atletas e os funcionários de cada clube. Acho que ele está equivocado, o Campeonato Paulista é grande, é o maior regional do país, o mais disputado e mais competitivo", afirmou.

Sheik também falou sobre a mudança drástica de opinião. "Ele se contradiz, porque na semifinal o Campeonato Paulista era grande, e depois que perde a final não vale nada", comentou. "Mas o presidente do Palmeiras tem que ser tão grande quanto o clube", alfinetou ao final da entrevista.

As declarações polêmicas do atacante não pararam por aí. Começou a circulas nas redes sociais um vídeo de 15 segundos que mostra Emerson Sheik ao lado de Jadson no palco da casa noturna. Com o microfone, o camisa 47 puxou uma música com xingamentos ao capitão da equipe palmeirense, Dudu. O camisa 7 do Palmeiras teve sua cobrança de pênalti defendida por Cássio.

SÁNCHEZ TAMBÉM PROVOCA

O presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, também falou sobre a declaração de Galiotte. "É um campeonato importante, mas eu nunca elogiei nem critiquei, diferente de algumas pessoas que elogiaram até a semifinal e hoje ficam criticando", ironizou.

Ainda no Allianz Parque, Emerson participava de um ao vivo no Instagram de Jadson quando após algumas provocações decidiu relembrar um episódio quando o rival foi rebaixado para Série B. "Teve um tempo atrás que eu falei uma frase que ela ficou guardada: que dó, que dó da formiguinha! Chora, formiguinha!"

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.