Márcio Fernandes/Estadão
Márcio Fernandes/Estadão

Emerson renova com Corinthians até julho de 2015

Jogador e clube encontravam um impasse em relação ao tempo do novo acordo

VÍTOR MARQUES, Agência Estado

16 de julho de 2013 | 19h33

SÃO PAULO - A indecisão sobre a continuidade de Emerson no Corinthians, que vinha se transformando em uma novela nas últimas semanas, foi definida nesta terça-feira, véspera da decisão da Recopa Sul-Americana. Depois de muita conversa, cada lado cedeu um pouco e o clube anunciou a permanência do jogador até o dia 31 de julho de 2015. O antigo vínculo duraria até o final desse ano.

Emerson e Corinthians começaram a negociar a renovação há algumas semanas, mas encontravam um impasse em relação ao tempo do novo contrato. Enquanto o jogador queria dois anos de contrato - até o fim de 2015 -, o clube estava disposto a oferecer apenas um - até o fim de 2014. Como resultado, um ano e meio a mais de vínculo para o herói da conquista da Libertadores do ano passado.

Aos 34 anos - fará 35 em setembro -, Emerson queria estabilidade até o fim de sua carreira, que agora deverá acontecer no Corinthians - ao fim do contrato estará à beira dos 37 anos. Diante da recusa inicial do clube em oferecer-lhe dois anos de vínculo, o jogador chegou a ser procurado por Vasco e Flamengo, que tentaram sua contratação.

As especulações, no entanto, foram encerradas nesta terça. Depois de treinar como titular - está escalado para pegar o São Paulo pela segunda partida da decisão da Recopa, quarta-feira, no Pacaembu -, Emerson sentou com a diretoria do Corinthians e finalmente selou a renovação.

Tite chegou a ser questionado sobre a possibilidade de acordo em sua entrevista coletiva desta terça, mas despistou na resposta, dizendo que não queria se colocar em "saia justa". Com a renovação de Emerson, o Corinthians agora deve botar fim na novela sobre Chicão. O zagueiro também tem contrato somente até o final do ano e segue discutindo a extensão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.