Vitor Silva/SSPress/Botagogo
Vitor Silva/SSPress/Botagogo

Emerson Silva pede atenção ao Botafogo para evitar nova virada contra Fluminense

Experiente zagueiro lembra último confronto, quando equipe venceu por 3 a 2

Estadão Conteudo

06 de abril de 2017 | 16h30

O experiente Emerson Silva, de 33 anos e um dos líderes do elenco botafoguense, cobrou uma atitude diferente à do último jogo contra o Fluminense para vencer o rival neste domingo, no estádio do Engenhão, no Rio, pela semifinal da Taça Rio - o encontro mais recente entre os times terminou com a vitória do time tricolor por 3 a 2, após o Botafogo abrir dois gols de vantagem. Apesar do alerta, o zagueiro demonstrou entusiasmo com a boa fase que vive na equipe.

"Acredito no meu bom momento aqui no clube, estou bastante confiante e feliz com meu trabalho aqui. Mesmo ano passado não sendo titular eu pude atuar em bastante jogos e ajudar. Fui um dos que mais joguei. Iniciar como titular também é importante, dá mais confiança. Agora é manter os pés no chão para ajudar sempre o Botafogo. Importante essa confiança do treinador, do grupo e estou bastante feliz aqui. Espero melhorar a cada dia", disse Emerson Silva.

O técnico Jair Ventura não revela qual será o time que sairá jogando contra o Fluminense. Para o zagueiro Emerson Silva, o mistério é um trunfo na guerra de nervos antes de uma decisão. "Vai ficar no mistério. É uma arma dos treinadores e é válida sim. Sei que a imprensa quer informações, mas vale quando se trata de um clássico. Assim dificulta um pouco para a equipe do Fluminense. O que posso dizer para vocês é que estamos treinando bastante para esse jogo", afirmou o defensor.

O Botafogo treinou nesta quinta-feira no campo anexo do Engenhão. O lateral-direito Maicon, ex-Internazionale, Roma, Cruzeiro e seleção brasileira, há quase um ano sem disputar uma partida oficial, participou das atividades para aprimorar o condicionamento físico.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.