Empate em Recife anima o Marília

O empate sem gols com o Náutico, no estádio dos Aflitos, em Recife, deu novo ânimo ao Marília para a seqüência da segunda fase da Série B do Brasileiro. Mesmo porque, o time tinha perdido na estréia, em casa, para o Bahia. Agora, volta a sonhar com uma vaga no quadrangular final do campeonato."Fizemos uma de nossas melhores partidas dentro da Série B. Fomos perfeitos no campo defensivo e poderíamos ter vencido. Isso nos deixa confiantes para a classificação. Esse time tem tudo para subir", disse o presidente do Marília, Beto Mayo.O técnico Luís Carlos Martins também não poupou elogios ao time e à apresentação na capital pernambucana. Para ele, a maior virtude foi a vontade demonstrada dentro de campo. "O Marília foi um time guerreiro e ganhou moral para os próximos jogos", avaliou.Neste clima otimista, a delegação do Marília nem retorna à cidade antes de partir para o próximo confronto, marcado para domingo, em Florianópolis, contra o Avaí. Os jogadores voltaram de Recife e estão hospedados em São Paulo, onde treinam no campo do Nacional.Na sexta-feira, a delegação parte para Florianópolis. Se vencer o Avaí, o Marília, que tem apenas um ponto no grupo B, ultrapassa os adversários, donos de três pontos. Com 6, o Bahia lidera a chave, que conta ainda com o Náutico (1).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.