Claudio Bresciani/Reuters
Claudio Bresciani/Reuters

Empresa de Sven-Goran Eriksson negocia para assumir a base do Botafogo-PB

Clube alvinegro quer treinador sueco para ser o responsável pelas categorias de base

Redação, Estadão Conteúdo

13 de fevereiro de 2020 | 13h26

O futebol brasileiro deve ser o próximo destino profissional de Sven-Göran Eriksson e sua empresa de investimentos. Nesta quinta-feira, o Botafogo-PB anunciou estar em negociações avançadas com o sueco, que possui participações em três Copas do Mundo no seu currículo, para assumir as divisões de base, além de ser manager do clube.

"O ex-técnico da seleção da Inglaterra, Sven-Göran Eriksson, de 2000 a 2002 e 2006/2007, está de malas prontas para desembarcar no nordeste brasileiro e ser o novo comandante da gestão do projeto ousado das categorias de base do Botafogo da Paraíba, como afirmou em vídeo gravado ao clube paraibano", afirmou o clube em seu perfil no Instagram.

O Botafogo-PB divulgou vídeo nas redes sociais em que Eriksson confirma estar em conversações com Sérgio Meira, presidente do clube. E explica que seus emissários estão em João Pessoa para acertar a chegada da sua empresa ao time paraibano.

No texto publicado no seu perfil no Instagram, o Botafogo-PB explica que as negociações estão sendo lideradas pelo ex-jogador Lars Bakkerud, que está no Brasil desde o fim da última semana. Ele vem acompanhado por Anderson Sousa, um ex-jogador brasileiro que atuou na Noruega e hoje trabalha como agente e investidor. Ele foi o responsável pelo contato entre a empresa do sueco e o clube paraibano.

"Inicialmente trata-se de uma visita de estudo de viabilidade, mas abre a negociação para confirmar parcerias e a terceirização das categorias de base do clube, com investimentos profissionais e patrimoniais", explica o Botafogo-PB.

Nesta sexta-feira, os emissários de Eriksson e dirigentes do clube paraibano vão conceder entrevista coletiva para comentar detalhes da negociação e de como funcionaria a parceria com a Eriksson Management, empresa de investimentos do sueco, que agencia vários jogadores, como Elkeson e Hulk.

Eriksson, de 72 anos, possui um currículo extenso no futebol, tendo comandando a seleção da Inglaterra nas Copas do Mundo de 2002 e 2006 e da Costa do Marfim na de 2010. Também possui passagens por clubes como Roma, Lazio e Manchester City. E seu último trabalho como treinador foi à frente da seleção das Filipinas, encerrado em 2019.  

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

O ex-técnico da Seleção da Inglaterra, Sven-Göran Eriksson, de 2000 a 2002 e 2006/2007, está de malas prontas para desembarcar no nordeste brasileiro e ser o novo comandante da gestão do projeto ousado das categorias de base do Botafogo da Paraíba, como afirmou em vídeo gravado ao clube paraibano. O Belo iniciou a negociação com o super campeão sueco da UEFA, Supercopa Europeia, Recopa Europeu para ocupar cargo de manager do clube, ficando mais próximo da diretoria executiva e do departamento de futebol. Tudo começou com Lars Bakkerud, ex-jogador norueguês, quando chegou a João Pessoa na última sexta-feira (7). Ele veio por recomendação do ex-treinador de futebol Sven-Göran Eriksson, radicado na Suécia, hoje manager e investidor de futebol. Lars Bakkerud veio acompanhado do ex-jogador brasileiro Anderson Sousa, que jogou muitos anos na Noruega e hoje é agente de futebol e investidor. Eles terão a permanência por dez dias na cidade e visitarão o Centro de Treinamento do Botafogo da Paraíba. Inicialmente trata-se de uma visita de estudo de viabilidade, mas abre a negociação para confirmar parcerias e a terceirização das categorias de base do clube, com investimentos profissionais e patrimoniais. A conversa entre o presidente Sérgio Meira e o Manager Sven Eriksson, começou a partir do contato feito pelo ex-jogador Anderson Bicudo, que mora em Campina Grande. Bicudo perguntou a Meira se podia enviar o contato de um ex-jogador brasileiro, baiano, chamado Anderson Sousa, que jogou e se estabeleceu na Noruega, como agente de jogadores e investidor no futebol. Anderson Sousa enviou um link com informações de um ex-treinador de futebol, hoje investidor, que gostaria de conhecer, e se aproximar de um clube brasileiro, preferencialmente das séries B ou C, com boa estrutura e centro de treinamento. “Dois dias depois do recebimento do link, abri e vi que se tratava de um dos maiores treinadores da Europa, Sven Eriksson. Em seguida me certifiquei que era realmente o Sven e conversei com ele por telefone”, afirmou o presidente. (Continua nos comentários)

Uma publicação compartilhada por Botafogo Futebol Clube (@botafogopb) em

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.