Empresário de Herrera descarta novo empréstimo

Gimnasia entende que o atacante fez boa temporada e por isso merece ser negociado, diz Jorge Balbis

Vítor Marques, Jornal da Tarde

21 de dezembro de 2008 | 08h44

A nova proposta do Corinthians para manter o atacante Herrera por empréstimo não será aceita pelo Gimnasia La Plata. Em entrevista à Rádio Record, o diretor-técnico Antônio Carlos afirmou que o clube desistiu de pagar os US$ 2,4 milhões (R$ 5,6 milhões) pelos direitos do jogador e ofereceu US$ 400 mil (R$ 950 mil) por mais um ano de empréstimo. "Até agora não houve resposta", disse o dirigente.Veja também: Tabela e calendário do Paulistão 2009 Dê seu palpite no Bolão Vip do Limão Mas, o empresário de Herrera, Jorge Balbis, disse que nesses termos não haverá acordo entre os clubes que detém o contrato do atleta. "Não tem negócio. O Gimnasia entende que o Herrera fez boa temporada e não aceita um novo empréstimo."Antônio Carlos explicou que o Corinthians decidiu por um novo empréstimo em razão da disparada do dólar. "Quando formulamos a opção de compra, um dólar valia R$ 1,85 (agora está R$ 2,36)." Na época, o Timão havia feito uma proposta de compra do atacante, que teria um contrato de três anos com o clube. O pagamento ao Gimnasia e às outras duas partes que detêm os direitos de Herrera seria feito em 20 parcelas.Fora do Corinthians, Herrera procura outro clube. Jorge Balbis diz que o jogador ainda tem contrato com o Gimnasia, mas está ouvindo propostas de algumas equipes. Uma delas é do futebol brasileiro, diz Balbis.Herrera atuou em 59 partidas pelo Timão, marcou 22 gols em 2008 e virou um dos ídolos da Fiel na campanha da Série B.

Tudo o que sabemos sobre:
CorinthiansHerrera

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.