Divulgação
Divulgação

Empresário diz que Montoya deixa o Barça no fim do ano

Lateral direito perdeu espaço após a chegada do brasileiro Douglas. Agente foi enfático ao descartar qualquer chance de permanência

Estadão Conteúdo

06 de dezembro de 2014 | 10h13

Insatisfeito com a falta de oportunidades no Barcelona, o lateral-direito Martín Montoya deixará o clube no fim deste ano. Quem garantiu foi o empresário do jogador, que revelou a chateação do jogador com o técnico Luis Enrique e foi enfático ao descartar qualquer possibilidade de permanência no clube catalão para 2015.

"Temos 100% de certeza de que o Montoya sairá do Barcelona no mercado de inverno (europeu)", declarou Juan De Dios Carrasco à Rádio Marca. "Agora mesmo só queremos encontrar o melhor clube para Martín, para que siga seu progresso. Alemanha, Inglaterra e Itália têm clubes que já se mexeram para contar com ele."

Montoya tem contrato com o Barcelona até 2018, vínculo estabelecido na última renovação, em abril. Na época, o lateral acreditava que seria titular na vaga de Daniel Alves, que estava em baixa e era dado como carta fora do baralho pela imprensa espanhola para esta temporada.

No entanto, a chegada de Luis Enrique ao clube mudou tudo. Daniel Alves recuperou seu prestígio e, de quebra, os catalães ainda foram atrás do brasileiro Douglas para a posição. Mesmo bastante criticado, o ex-jogador do São Paulo assumiu a condição de reserva imediato e atuou, por exemplo, pela Copa do Rei no meio de semana, quando o titular foi poupado.

"Ele (Montoya) acreditava muito que ganharia o posto de Daniel Alves", lamentou Carrasco. O empresário ainda revelou uma reunião de seu jogador com Luis Enrique, na qual o treinador disse que "dentro do atual esquema e sistema, ele (Montoya) não tem lugar para poder conquistar o posto de Daniel Alves nem o de Douglas".

Tudo o que sabemos sobre:
futinterfutebolFC BarcelonaMontoya

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.