Enderson Moreira celebra volta ao Goiás e promete equipe forte para a Série B

Dois anos depois de deixar o Goiás, o técnico Enderson Moreira retornou ao clube na tarde desta terça-feira. A situação de ambos é bem diferente daquela em 2013 e, até por isso, tanto o treinador quanto a equipe esperam unir forças para recolocar os goianos de volta na Série A do Campeonato Brasileiro.

Estadão Conteúdo

15 de dezembro de 2015 | 15h33

"Temos que pensar primeiro no Campeonato Goiano, que é a primeira competição que iremos disputar. Claro que, em seguida, vamos entrar com muita força na Copa do Brasil e no Campeonato Brasileiro da Série B. Estamos, junto com o Felipe Ximenes (novo gestor de futebol), conversando com o presidente para termos um elenco forte, com peças que se encaixem", declarou o técnico.

Enderson Moreira iniciou a carreira como treinador no Fluminense, mas foi no Goiás que ganhou destaque. Ficou no time esmeraldino de 2011 a 2013, tendo conquistado a Série B de 2012 e uma ótima sexta colocação no Brasileirão do ano seguinte. De lá, saiu para Grêmio, Santos, Atlético-PR e Fluminense, sem nunca repetir o mesmo sucesso.

Do outro lado, o Goiás também caiu. No ano passado, ficou apenas no meio da tabela, na 12.ª colocação. Mas em 2015, não teve jeito. Depois de um bom início, o time esmeraldino teve um péssimo segundo turno e acabou rebaixado à Série B do Campeonato Brasileiro, terminando em penúltimo, com apenas 38 pontos.

Por isso, a diretoria optou por resgatar um antigo conhecido, em quem já confiava bastante. "Sempre que víamos o Enderson dirigindo outra equipe, tínhamos a sensação de que aquilo era passageiro e, em breve, ele estaria conosco novamente, como está acontecendo agora. Espero que ele permaneça no Goiás por muito tempo", disse o presidente executivo do clube, Sérgio Rossi.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolGoiásEnderson Moreira

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.