Endividado, Leicester anuncia falência

Com uma dívida de cerca de US$ 45 milhões, o Leicester, tradicional equipe inglesa que disputa a segunda divisão, anunciou falência nesta segunda-feira e será colocado sob administração judicial. A diretoria, que na semana passada conseguira convencer os jogadores a aceitar uma redução de 20% do salário, informou que os esforços para fechar um acordo com os principais credores falharam.À falência soma-se outra questão judicial: um processo movido por um ex-jogador, Dennis Wise. Mandado embora em agosto por agredir um companheiro de equipe, Wise entrou na justiça e quer uma indenização de cerca de US$ 3,5 milhões por quebra abusiva de contrato.A solução para o problema financeiro do clube pode ser Gary Lineker, ex-centroavante do Leicester e da seleção. Lineker está formando um consórcio para tentar a compra do clube que defendeu de 1978 a 85. Uma entrevista coletiva sobre o assunto deverá ser realizada nesta quarta-feira. Artilheiro da Copa do Mundo de 1986, Lineker vestiu ainda as camisas do Everton, Barcelona e Tottenham Hotspur.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.