Enfraquecido, Flamengo busca o bi

O Flamengo deste ano não se compara ao do ano passado. Em 2001, o Rubro-Negro foi tricampeão carioca e campeão da Copa dos Campeões, competição que a equipe começa a disputar nesta quarta-feira, tentando o bicampeonato, contra o Atlético-PR, às 21h45, no Estádio Albertão, em Teresina, Piauí. Este ano, o time foi eliminado na primeira fase da Taça Libertadores e do Torneio Rio-São Paulo e não conseguiu ser tetracampeão carioca. O atual elenco do Flamengo é formado por diversos jogadores desconhecidos da torcida. O volante André Gomes e os meias Hugo e Marquinhos vieram de times pequenos e precisam mostrar o seu valor. O zagueiro Váldson e o atacante Caio são os únicos contratados mais famosos. Do elenco titular campeão no ano passado, só ficaram no clube o goleiro Júlio César, o lateral-direito Alessandro e o zagueiro Fernando. O técnico Lula Pereira confia numa boa campanha na Copa dos Campeões. "A expectativa é a melhor possível", afirmou o treinador. "Temos que mostrar garra e determinação e atuar com inteligência." Contratações - O vice-presidente de Futebol, Walter Oaquim, disse nesta terça-feira que o retorno do atacante Romário ao Flamengo está muito próximo. Segundo o dirigente, a empresa de refrigerantes que patrocina o artilheiro deve contribuir com R$ 600 mil, que serviriam para pagar o salário do jogador. Já o meia Petkovic está no Rio de Janeiro e manifestou o desejo de voltar ao Rubro-Negro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.