Equador ressalta importância de superar Brasil

Na luta para garantir uma das vagas sul-americanas para a Copa do Mundo de 2010, o Equador enfrentará o Brasil, domingo, e o Paraguai em casa, no dia 4 de abril, e precisa somar seis pontos. Apesar da força dos adversários, os jogadores garantem que não temem o desafio de duelar com a seleção pentacampeã mundial e os líderes das Eliminatórias Sul-Americanas, respectivamente.

AE, Agencia Estado

23 de março de 2009 | 17h06

"Vamos jogar com um dos maiores do mundo e ninguém vai tirar isso deles", disse o meio-campista Walter Ayovi, ao comentar o duelo contra o Brasil. "Mas o Equador atravessa um grande momento com jogadores que estão dentro e fora do país, que ao chegar à seleção vão jogar tudo que podem", disse o jogador do Monterrey, do México, apostando na experiência dos atletas equatorianos.

O Equador está na sexta colocação, com 12 pontos, e por isso o volante Patricio Urrutia ressaltou a necessidade de vitória. "Mais do que nunca agora devemos conseguir esses pontos importantes para seguir na luta pela classificação", disse.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.