Equador treina no Rio e promete ir para cima do Brasil

Para se recuperar de derrota para a Venezuela na estréia, aos equatorianos só resta a opção de vitória

15 de outubro de 2007 | 18h22

A seleção do Equador treinou na manhã desta segunda-feira no estádio Engenhão, no Rio, em preparação para o jogo contra o Brasil, pela segunda rodada das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2010.  Veja também: Seleção retorna ao Brasil e apenas reservas treinam na Gávea Dunga aponta erro no meio-campo e espera corrigir até quarta Vote: como você avalia a estréia do Brasil nas Eliminatórias? O técnico Luis Fernando Suarez garantiu que o time não mudará a postura ofensiva, mesmo enfrentando o Brasil no Maracanã, na tentativa de recuperar os pontos perdidos na estréia, quando foi derrotado surpreendentemente pela Venezuela, no Equador, por 1 a 0.  "Nossa característica principal é o jogo ofensivo e não vou mudar. Temos consciência de que precisaremos recuperar fora de casa os pontos perdidos na estréia [derrota por 1 a 0 para a Venezuela]. Se não for contra o Brasil, terá de ser nos próximos jogos", comentou Suarez, que responsabilizou a ineficiência dos atacantes pelo tropeço em casa. Realmente, o Equador dominou o jogo contra a Venezuela mas perdeu gols incríveis, inclusive por erros do centroavante Carlos Tenório, destaque da seleção no último Mundial, na Alemanha.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.