Rodrigo Coca / Agência Corinthians
Rodrigo Coca / Agência Corinthians

'Era nosso dever passar pelo América-MG', lamenta o corintiano Mateus Vital

Jogador elogia 'entrega' da equipe após eliminação e pede foco total no Campeonato Brasileiro

Redação, Estadão Conteúdo

05 de novembro de 2020 | 00h44

Substituto de Otero no Independência, coube a Mateus Vital justificar a eliminação precoce do Corinthians na Copa do Brasil. E o meia expressou o que o torcedor pensava para o confronto com o América Mineiro, pelas oitavas de final. Mesmo pregando respeito ao oponente, ele afirmou que era inadmissível uma eliminação diante de uma equipe de menor expressão e da segunda divisão nacional.

Com cara de poucos amigos e sem esconder a indignação com a eliminação após o empate por 1 a 1, Mateus Vital revelou com qual o pensamento o Corinthians foi para Belo Horizonte: o de obrigação de classificação.

"Muita chateação. Era nosso dever passar pelo América-MG. Com todo respeito à instituição, mas a camisa do Corinthians pede isso", enfatizou, enquanto observava os jogadores do América-MG fazendo enorme festa pela inédita vaga nas quartas da Copa do Brasil.

O jogador ainda elogiou a postura do time. Mesmo com a busca desorganizada pelo segundo gol nos minutos finais. "Não faltou entrega, mas objetivo não foi avançado. Teve a pré-Libertadores, que era nosso objetivo e também não passamos", disse, lembrando da queda para o Guaraní, do Paraguai.

O meia agora pede para o Corinthians mudar o foco, deixar de lado mais uma dura eliminação no ano e focar no que resta: a disputa do Brasileirão, no qual visita o Atlético-GO com chances de se afastar de vez da ameaça de rebaixamento.

A partida da abertura do segundo turno acontece no sábado à noite e marca o reencontro do técnico Vagner Mancini com os goianos. "Agora é foco total no Brasileirão para fazermos uma competição digna", disse Mateus Vital, ciente que a campanha também é aquém do imaginado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.