Espanha bate Portugal nos pênaltis e está na final da Eurocopa

Após empate sem gols, atuais campeões avançam e esperam o vencedor de Itália e Alemanha na decisão de domingo, em Kiev

estadão.com.br

27 de junho de 2012 | 18h30

DONETSK - A Espanha está novamente na final da

Diante desse cenário, em que prevaleceu a marcação dos dois lados, o jogo em Donetsk foi truncado, com muito equilíbrio e poucas chances de gols. No primeiro tempo, a Espanha teve uma boa oportunidade com Xavi aos 28 minutos, enquanto Portugal respondeu com Cristiano Ronaldo aos 30. Na segunda etapa, o panorama continuou o mesmo, sem espaço para que alguém abrisse o placar.

No final do tempo regulamentar, Portugal esteve mais perto do gol. Cristiano Ronaldo teve duas faltas perigosas praticamente seguidas, na entrada da área, mas bateu mal. O grande astro português ainda poderia ter decidido o jogo nos acréscimos, quando a seleção portuguesa puxou um rápido contra-ataque e ele, sozinho na área, errou e chutou por cima do gol de Casillas.

Com o empate, a decisão foi para a prorrogação. Na primeira etapa do tempo extra, a Espanha esteve melhor. E criou sua principal chance durante toda a partida aos 13 minutos, quando Iniesta recebeu dentro da área e chutou colocado, para grande defesa do goleiro Rui Patrício. Sergio Ramos também quase marcou aos 15, numa forte cobrança de falta que passou perto da trave.

Assim como aconteceu na etapa inicial, a Espanha também foi melhor no segundo tempo da prorrogação. Teve outra ótima chance aos cinco minutos, quando Jesus Navas chutou forte e Rui Patrício conseguiu defender. Depois disso, Pedro ainda puxou um bom contra-ataque, mas demorou para definir a jogada e permitiu a recuperação da defesa. Assim, a decisão foi mesmo para os pênaltis.

Nos pênaltis, as duas seleções começaram errando: Rui Patricio defendeu a cobrança de Xabi Alonso e Casillas fez o mesmo com João Moutinho. Depois, Iniesta, Piqué e Sergio Ramos marcaram do lado espanhol, enquanto Pepe e Nani fizeram para Portugal. Aí, Bruno Alves mandou a bola no travessão e Fabregas bateu para fazer 4 a 2, definindo a classificação da Espanha.

MINUTO A MINUTO

PÊNALTIS

Espanha está na final!

4 x 2 Fábregas chuta, a bola bate na trave e entra! 

3  x 2 Bruno Alves enche o pé e a bola vai no travessão!

3 x 2 Sérgio Ramos, de cavadinha, faz o gol.

2 x 2 Nani desloca Casillas e empata!

2 x 1 Piqué bate bem e também faz gol!

1x 1 Pepe faz! Casillas acertou o canto.

1 x 0 Iniesta desloca o goleiro e faz!

0 x 0 João Moutinho chuta e Casillas também defende!

0x0 Xabi Alonso bateu e Rui Patrício defende!

Logo mais vai começar a disputa por pênaltis. No tempo normal e na prorrogação as equipes empataram sem gols.

SEGUNDO TEMPO DA PRORROGAÇÃO

15 min - Termina o jogo! Vamos para os pênaltis! 

12 min - Espanha domina e encurrala Portugal.

9 min - Pedro saiu livre com o goleiro! Mas quis driblar um jogador a mais e a defesa tirou para escanteio.

5 min - Rui Patrício de novo! Navas bateu cruzado e rasteiro e o goleiro português caiu para fazer bela defesa em dois tempos.

3 min - Portugal pressiona no início, mas sempre vai ao ataque com poucos jogadores.

1 min - Recomeça o jogo!

PRIMEIRO TEMPO DA PRORROGAÇÃO

16 min - Sergio Ramos bate falta com perigo no último lance do primeiro tempo.

15 min - Nitidamente Portugal cansou e agora dá espaços para a Espanha jogar e levar perigo.

13 min - Rui Patrício faz milagre! Iniesta finalizou de dentro da área e o goleiro caiu para fazer a defesa espetacular, no reflexo.

12 min - Desde a segunda metade do segundo tempo Portugal começou a criar contra-ataques. Mas falta tranquilidade para aproveitar e Nelson Oliveira acaba de desperdiçar mais um.

9 min - Espanha ganhou opção pelas pontas com as entradas de Pedro e Navas, porém Iniesta continua muito marcado e a saída de Xavi deixa equipe com uma opção a menos na criação.

6 min - Partida não melhora e o panorama monótono persiste. Portugal continua marcando bem a Espanha, que não consegue evoluir em seu tradicional toque de bola.

1 min - Recomeça o jogo!

SEGUNDO TEMPO

48 min - Fim de jogo no tempo normal! 0 a 0 e vamos para a prorrogação.

46 min - Espanha pressiona nos instantes finais. Enfim o jogo ganha em emoção.

44 min - Horrível! Cristiano Ronaldo desperdiça chance incrível! Ele recebeu livre na área depois de um contra-ataque e mandou longe do gol na melhor oportunidade da partida.

41 min - Vicente del Bosque surpreende e troca Xavi por Pedro, já de olho na prorrogação.

39 min - Ele chutou a primeira, a bola bateu no braço de Arbeloa. Em nova cobrança, ele mandou novamente por cima.

37 min - Nova esperança para Portugal. Cristiano Ronaldo sofreu falta e vai cobrar de longa distância.

33 min - Times começam a ficar mais cautelosos com a proximidade do fim do jogo, mas mesmo desde o começo da partida, equipes não foram agressivas.

27 min - Cristiano Ronaldo cavou falta, bateu e levou perigo ao gol de Casillas. Mas a bola subiu muito.

22 min - Boa chance da Espanha! Xavi arrisca o chute de longe e Rui Patrício encaixa a bola no centro do gol com segurança. Como resposta, Hugo Almeida bateu de longe, mas sem perigo.

20 min - Espanha chegou com perigo em duas bolas aéreas, mas jogo continua muito travado e com poucas ocasiões de gol.

16 min - Navas entra no lugar de David Silva. Ideia do técnico é abrir o jogo pelas pontas e apostar na velocidade do atacante.

13 min - Cristiano Ronaldo descobre um espaço e tabela com Hugo Almeida, que invade a bola e bate cruzado e para fora. Portugal usa forças para marcar e cria pouco.

8 min - Espanha coloca Fábregas no lugar de Negredo para dar mais toque de bola ao ataque, que até agora foi anulado pela marcação portuguesa.

3 min - Segunda etapa repete roteiro da primeira: Portugal marca, espera, tenta adiantar o time, enquanto a Espanha sofre para armar as jogadas.

1 min - Bola rolando! Portugal deu a saída e está valendo o segundo tempo.

PRIMEIRO TEMPO

46 min - Fim de primeiro tempo! Espanha e Portugal empatam sem gols em partida que até aqui foi de muita marcação e poucas chances.

44 min - Primeiro tempo vai terminando sem grandes emoções. Espanha chutou a gol com perigo duas vezes, graças aos deslizes da marcação portuguesa. Cristiano Ronaldo foi perigoso apenas em uma oportunidade, quando chutou ao lado do gol.

41 min - A tática portuguesa é esperar Cristiano Ronaldo decidir a partida em algum lance de talento. Até agora a marcação armada pelo técnico Paulo Bento está resolvendo, mas o time atacou pouco.

37 min - Portugal se defende com nove jogadores e deixa apenas Cristiano Ronaldo isolado no ataque. Nani, pelo lado direito, é o responsável a puxar as jogadas em velocidade.

30 min - Quase gol de Portugal! Cristiano Ronaldo recupera bola na entrada da área e chutou muito perto do gol de Casillas. Jogada perigosa.

28 min - Iniesta quase faz! Defesa portuguesa falhou e Iniesta recebeu livre, fintou João Pereira e quase acertou o ângulo.

26 min - Portugal assume o comando do jogo e pressiona a Espanha, que tenta cadenciar e impor o ritmo de jogo. Mas Xavi e Iniesta estão bem marcados.

22 min - Jogo é muito estudado e travado. A Espanha teve a única chance clara de gol até o momento.

17 min - Espanha erra passes e sofre com a marcação adiantada da equipe portuguesa. Arbeloa está com dificuldade de marcar o companheiro de clube Cristiano Ronaldo.

12 min - Cristiano Ronaldo desceu com perigo pela esquerda e cruzou com perigo. Casillas saiu para fazer a defesa. Espanha aposta no habitual toque de bola, enquanto Portugal tenta adiantar a marcação para forçar o erro adversário.

8 min - Quase gol da Espanha! A equipe chegou no toque de bola e na sobra de uma jogada, Pedro bateu da entrada da área. Ele buscou o ângulo, mas a bola subiu.

4 min - Portugal começa o jogo marcando no campo da Espanha, que tem dificuldades para sair jogando.

1 min - Bola rolando! Jogo valendo em Donetsk!

FICHA TÉCNICA:

ESPANHA: Casillas; Piqué, Ramos, Arbeloa, Alba, Iniesta, Xavi (Pedro), Alonso, Busquets, Silva (Navas), Negredo (Fábregas). Técnico: Vicente del Bosque.

PORTUGAL: Patrício, Alves, Pepe, Coentrão, Pereira, Veloso (Custódio), Moutinho, Meireles (Varela), Nani, Ronaldo, Almeida (Nelson Oliveira). Técnico: Paulo Bento

LOCAL: Donetsk (Ucrânia)

CARTÃO AMARELOS: Sérgio Ramos, Fábio Coentrão, Sergio Busquets, Pepe, João Pereira, Arbeloa, Bruno Alves, Miguel Veloso, Xabi Alonso

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.