Fred Tanneau/AFP
Fred Tanneau/AFP

Espanha e Japão vencem e vão decidir o Mundial Feminino Sub-20

Nas semifinais, espanholas passaram pela França e as japonesas pela Inglaterra

Estadão Conteúdo

20 Agosto 2018 | 17h12

As seleções da Espanha e  do Japão vão disputar na próxima sexta-feira a final da nona edição do Mundial Feminino Sub-20, que está sendo realizado na França. Nesta segunda, as equipes derrotaram a anfitriã França e a Inglaterra, respectivamente, e agora vão participar da primeira decisão de suas histórias.

Curiosamente, Espanha e Japão já se enfrentaram neste Mundial Sub-20. Ainda pela fase de grupos, as europeias se deram melhor e triunfaram por 1 a 0, pela chave C, sendo que as duas equipes se classificaram às quartas de final.

Em Vannes, palco das duas semifinais, o Japão superou a seleção inglesa por 2 a 0, com dois gols marcados na etapa inicial e em um intervalo de tempo curto. O primeiro deles, aos 22 minutos, foi de Ueki. Já o segundo foi marcado por Endo, aos 27.

Na outra semifinal, a Espanha bateu a França por 1 a 0 graças ao gol marcado por Patricia Guijarro aos seis minutos do segundo tempo. Esse gol, aliás, foi o sexto da meio-campista do Barcelona no Mundial Sub-20, o que a deixa na condição de artilheira do torneio. Sua rival na decisão, a japonesa Ueki soma cinco gols, assim como a inglesa Georgia Stanway.

Na sexta-feira, além da decisão entre Espanha e Japão, agendada para as 14h30 (horário de Brasília), em Vannes, também será realizada a disputa do terceiro lugar, entre França e Inglaterra, a partir das 11 horas.

A seleção brasileira foi eliminada ainda na fase de grupos do Mundial Sub-20 Feminino, tendo ficado em último lugar na sua chave, a B, com um ponto somado, no empate por 1 a 1, com a Inglaterra - nos outros compromissos, a equipe perdeu para o México, por 3 a 2, e a Coreia do Norte, por 2 a 1.

 

 

Mais conteúdo sobre:
futebol feminino

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.