Espanhóis cobram mais eficiência nas finalizações

Os jogadores da Espanha saíram de campo satisfeitos com a vitória por 2 a 0 sobre a Honduras, nesta segunda-feira. No entanto, admitiram que o time teve problemas no momento das finalizações.

AE, Agência Estado

21 de junho de 2010 | 21h07

"A seleção encontrou o caminho e a única coisa que precisa melhorar é a eficiência na finalização", reconheceu o zagueiro Sergio Ramos, que celebrou a reabilitação da Espanha após a derrota para a Suíça.

"O importante é que agora só dependemos de nós mesmos. É claro que teria sido vantajoso conseguir um placar mais elástico, mas agora jogaremos contra o Chile com a confiança no alto", completou.

O lateral-esquerdo Capdevila também comemorou a vantagem de não depender de outros resultados, mas cobrou um melhor aproveitamento do ataque. "Estamos trabalhando bem e temos que melhorar nas finalizações", alertou. "Temos a obrigação de ganhar, caso contrário não avançaremos, mas é bom ter essa exigência para darmos o máximo diante de uma equipe que pressiona o campo inteiro. Será uma verdadeira final", avaliou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.