Especulação invade a Vila Belmiro

A especulação entrou em campo. Mais exatamente, no gramado da Vila Belmiro. Vários jogadores do Santos têm seus nomes envolvidos em transferências para outros clubes. De preferência, para clubes do futebol europeu. Ao menos, é o que pretendem - e divulgam - seus procuradores, mas de oficial, nada. Dirigentes santistas não receberam nenhuma consulta concreta. Até o momento, o comentado interesse não passa de conversa. Na verdade, segundo o presidente Marcelo Teixeira, somente o Barcelona fez uma oferta pelo atacante Robinho - ainda no primeiro semestre deste ano. Ele respondeu que não tinha interesse de se desfazer do jogador naquela oportunidade. Como dinheiro compra tudo, inclusive jogador profissional, deve-se concluir que a oferta espanhola foi baixa. No últimos dias, o nome de Ricardo Oliveira se tornou a bola da vez. ?Eu já soube do interesse do Betis", disse. Mas, infelizmente, para quem sonha com salários em dólar, foi por intermédio do próprio empresário, Hamilton Bernard. Apenas desta maneira, pois o clube desconhece o assunto. E Hamilton caprichou. Anunciou que, além de Real Betis, Deportivo La Coruña, também da Espanha, manifestou desejo de contar com Ricardo Oliveira. Para o técnico Emerson Leão, isso não passa de papo furado. ?Empresário é bom para criar notícias." Leão lembrou que Ricardo Oliveira tem contrato com o Santos até o fim do ano. ?Ele não sairá agora." O zagueiro Alex, mesmo distante de Vila Belmiro (serve a seleção brasileira na Copa Ouro, nos Estados Unidos), teve seu nome envolvido em uma negociação. O futebol turco seria o destino. ?Não tem problema, é só trazer uma boa quantia em dinheiro que o presidente pode estudar a venda", afirmou Leão. Agora é Léo, com 28 anos, o veterano do elenco santista. O lateral surpreendeu ao falar que pode deixar o Santos. Na sequência, revelou o meio em que ficou sabendo do tal interesse. ?Meu empresário me contou." Ico Martins, procurador do atleta, teria recebido um telefonema de um clube espanhol. Vale ressaltar que Léo tem contrato com o Santos até o fim do ano.

Agencia Estado,

23 de julho de 2003 | 18h40

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.