Robson Morelli/Estadão
Robson Morelli/Estadão

Estádio do Palmeiras começa a ganhar acabamento de vidro

Clube ainda trabalha com a promessa de entrega do estádio no ano do centenário

O Estado de S.Paulo

26 de fevereiro de 2014 | 15h50

SÃO PAULO - O Estádio do Palmeiras começa a ganhar acabamento. Os primeiros vidros na parte de fora das amarrações de concretos estão sendo montados, de modo a refletir o verde das árvores que foram mantidas na entrada do clube. Placas envidraçadas vão cobrir a estrutura de metal e cimento. Até então, a WTorre tinha se preocupado apenas com as obras mais pesadas. Até o começo do mês é bem provável que toda a parte da estrutura da arena volta para a rua Turiassu esteja completada.

As obras também avançaram nesta semana em direção à entrada do clube, onde havia o departamento administrativo e a loja da Adidas. Na manhã desta quarta-feira, máquinas faziam o trabalho de 'destruição' dessas instalações. Nas imediações do estádio, havia faixas com os dizeres: 'Faltam seis meses", numa alusão ao dia do centenário do clube.

Tanto Palmeiras quanto a WTorre trabalham com a certeza de que o Allianz Parque será entregue ainda nesta temporada. Não está descartada a possibilidade de a construtora reforçar o efetivo de operários para adiantar as obras. O estádio deve custar R$ 500 milhões. A seguradora Allianz pagou R$ 300 milhões para dar o nome ao estádio durante 20 anos. Existe a possibilidade de este vínculo ser prorrogado por mais 10 anos. O Allianz Parque terá capacidade para até 45 mil torcedores.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.