Estado de Maradona é crítico, diz boletim

O ex-astro do futebol, Diego Armando Maradona, foi internado às pressas neste domingo no fim da tarde na Clínica Suíço-Argentina. Maradona estava em terapia intensiva sob o controle de seu médico pessoal, Alfredo Cahe. Informações extra-oficiais indicavam que "El Diez" (O Dez) - como Maradona é chamado popularmente - teria tido uma overdose de cocaína. Ao entrar no hospital, segundo testemunhas, ele tremia com intensidade e suava constantemente".No fim da noite, os médicos emitiram um comunicado oficial, às 22h15, no qual explicaram que o ex-jogador teve um pico de hipertensão e uma cardiopatia dilatada. Segundo os médicos, ele sofre uma insuficiência respiratória e por isso ficará conectado a um aparelho de respiração artificial por tempo indeterminado. O comunicado informou que o estado de Maradona "é crítico". Ao sair do hospital, seu médico pessoal recusou-se a responder se o ex-jogador corria risco de vida.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.