'Estamos mostrando a cara do Flamengo', diz Marcelo Cirino

Autor do gol rubro-negro na vitória por 1 a 0 sobre o Goiás, no domingo passado, o atacante Marcelo Cirino afirmou nesta terça-feira que a presença de Paolo Guerrero no ataque do time do Flamengo tem facilitado as coisas. "Paolo puxa muito a marcação, abre espaço", afirmou, elogiando também Emerson. "Dois grandes jogadores, que estão nos ajudando muito. Ajudam conversando, com o posicionamento dentro de campo. O futebol da equipe sem dúvida vem crescendo com os dois".

FÁBIO GRELLET, Estadão Conteúdo

28 de julho de 2015 | 18h29

"Acho que, nos últimos jogos, a gente vem mostrando a cara do Flamengo. Além de vencer, vem convencendo. Com os reforços, o grupo vem ficando bem mais forte. Isso vem ajudando os que estão há mais tempo", disse o atacante, que não marcava gols há três meses e era alvo de críticas da torcida. "Direito de resposta é dentro do campo. Não vale a pena eu vir aqui e começar a falar, se as coisas não fluírem. Meu bom futebol vem voltando", contou.

Cirino também justificou a intensa comemoração do gol de domingo: "(Foi um) momento de muita emoção para mim. Passaram algumas coisas na minha cabeça que me fizeram sentir aquela emoção. Fazer gol depois de longo período acho que leva qualquer jogador a se emocionar."

Nesta quarta, o técnico Cristóvão Bastos comanda treinos às 9h30 e às 15h30. O próximo jogo do Flamengo será contra o Santos, no Maracanã, às 16 horas do próximo domingo. Até esta terça-feira já haviam sido vendidos 14 mil ingressos para esta partida.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolFlamengoCirino

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.