Estevam cobra mais atenção do Barueri no Beira-Rio

A derrota em casa para o São Paulo, no último domingo, já faz parte do passado no Barueri. Mas o técnico Estevam Soares espera que o resultado negativo sirva de lição para o jogo desta quarta-feira, contra o Internacional, a partir das 21 horas, no Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre.

AE, Agencia Estado

29 de julho de 2009 | 07h43

Estevam fez muitas críticas à atuação "sonolenta" de sua equipe, principalmente nos primeiros 45 minutos da partida de domingo. "Precisávamos ter entrado mais ligados no jogo. No segundo tempo marcamos mais em cima e poderíamos ter chegado ao empate", disse o técnico do Barueri.

A derrota para o São Paulo também acabou com uma invencibilidade de dez jogos do Barueri - cinco vitórias e cinco empates. Apesar disso, o time continua próximo à zona de classificação para a Libertadores de 2010, ocupando a sétima colocação, com 22 pontos.

Para conseguir a reabilitação, Estevam deve contar com um importante reforço. Recém-recuperado de uma lesão muscular, que o afastou dos dois últimos jogos, o atacante Fernandinho viajou com a delegação para a capital gaúcha e pode formar dupla com Val Baiano, o artilheiro do Brasileirão, com nove gols.

Outra novidade pode ser o lateral-direito Marcos Pimentel, também recuperado de uma contusão. Ele briga por uma vaga com o meia Franciscatti, que tem sido improvisado na posição.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCampeonato BrasileiroBarueri

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.