Estevam Soares reforça defesa em treino do Botafogo

O técnico do Botafogo, Estevam Soares, sabe mais do que ninguém que empates não vão livrar o time do rebaixamento. Por outro lado, tem consciência que, no confronto com o Santos, no domingo, na Vila Belmiro, sua equipe primeiro precisará defender com segurança para depois buscar a vitória com saídas rápidas para o ataque.

AE, Agencia Estado

18 de setembro de 2009 | 20h29

Foi isso que treinou intensamente nesta sexta-feira, no Engenhão, na preparação para a partida válida pela 25.ª rodada do Campeonato Brasileiro. Enquanto os atacantes treinavam finalizações, Estevam trabalhava o posicionamento do sistema defensivo e a puxada do contra-ataque.

Ficou claro também que a única dúvida do treinador está na lateral-direita. Alessandro, muito criticado pela torcida, começou entre os titulares, mas cedeu lugar a Thiaguinho. A única alteração certa dentre aqueles que derrotaram o Atlético-PR, pela Sul-Americana, será o goleiro Castillo, que fica no banco para o retorno de Jefferson.

TRIBUNAL - Na próxima semana, o Botafogo também terá uma batalha importante fora de campo. A procuradoria do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) denunciou o clube pela confusão ocorrida depois do empate por 3 a 3 com o Grêmio, no Engenhão, quando alguns botafoguenses com acesso ao túnel de reservas acossaram o trio de arbitragem, comandado por Rodrigo Martins Cintra.

Mesmo tendo Cintra elogiado a postura da polícia, dos seguranças e dos dirigentes do clube carioca, que evitaram o pior, o Botafogo pode perder o mando de campo no restante do Brasileiro. O julgamento será na terça-feira.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.