Estevam tenta montar o time da Ponte

Depois da derrota para o Figueirense, por 4 a 0, no sábado, o técnico Estevam Soares cobrou uma reação dos jogadores da Ponte Preta. Começando pelo jogo com o Botafogo, quinta-feira, no Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas.Além da bronca, Estevam vai fazer mudanças na Ponte. Mas ele está tendo trabalho para montar o time, pois cinco jogadores que estavam de fora poderão voltar. O lateral-direito Rissut e o volante Ângelo cumpriram suspensão e retornam nas vagas de Iran e Carlinhos, respectivamente.Na defesa, Rafael Santos pode voltar a ser opção depois de recuperado de cirurgia no joelho. Já o volante Éverton foi liberado pelos médicos, após ficar afastado quatro jogos por causa de uma contusão.Uma mudança confirmada é a entrada de Tico no comando de ataque. Ele já está recuperado de uma lesão muscular na parte posterior da coxa direita e vai substituir Zé Carlos, que torceu o joelho eficará os próximos jogos fora do time. Por outro lado, o meia-atacante Evando ficará de fora devido um estiramento na coxa direit. A Ponte está com 44 pontos e precisa da vitória para se manter na luta por uma vaga na Copa Sul-Americana.

Agencia Estado,

25 de outubro de 2005 | 16h54

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.