Ivan Storti/ Santos FC
Ivan Storti/ Santos FC

'Estou envergonhado', diz Gabriel Pirani após goleada sofrida pelo Santos na Vila

Equipe santista venceu apenas um dos últimos oito jogos da temporada

Redação, Estadão Conteúdo

28 de agosto de 2021 | 23h15

Os sentimentos após sofrer uma goleada jogando em casa são muitos, mas alguns se destacam. No caso do jovem Gabriel Pirani, de 19 anos, vergonha foi aquilo que ele sentiu com mais intensidade após o apito final da derrota por 4 a 0 sofrida pelo Santos diante do Flamengo neste sábado, em jogo disputado na Vila Belmiro, pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Apesar de o time santista ter nomes experientes em campo, foi o menino da Vila quem parou para falar com a imprensa na saída do gramado, ainda que estivesse muito abatido, sem encontrar palavras para descrever o que aconteceu no litoral paulista. "Não tenho nem muito o que falar, eu estou envergonhado de ter tomado 4 a 0 dentro da nossa casa", lamentou Pirani.

O Flamengo terminou o primeiro tempo melhor que o Santos, mas quem assistia ao jogo dificilmente apostaria em uma goleada, já que a partida foi para o intervalo sem gols. Desde os primeiros minutos do segundo tempo, no entanto, os flamenguistas dominaram e contaram com três gols do ex-santista Gabigol e um de Andreas Pereira para construírem a goleada.

Segundo a avaliação de Gabriel Pirani, o Santos reagiu muito mal ao primeiro gol marcado por Gabriel, que converteu cobrança de pênalti após falta cometida por Wagner Leonardo em Michael dentro da área. "Nós começamos bem o primeiro tempo. Depois que tomamos o primeiro gol, nós abrimos e eles acabaram finalizando o jogo", analisou o jogador santista.

Com a derrota, o Santos estacionou nos 22 pontos, ainda em 11º lugar, mas com chances de perder posições até o final da rodada. Além disso, não vence há quatro partidas no Brasileirão, mesmo número de jogos que não consegue um resultado positivo na Vila Belmiro em partidas válidas pela competição nacional.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.