Alex Morton/Reuters
Alex Morton/Reuters

'Estou no pior momento da minha carreira', diz José Mourinho

Atual campeão, o Chelsea ocupa a 14ª posição do Inglês

Estadão Conteúdo

02 de outubro de 2015 | 12h58

São somente oito pontos nas primeiras sete rodada do Campeonato Inglês. Na Liga dos Campeões, o Chelsea conheceu a primeira derrota para o Porto, no meio de semana. O péssimo início de temporada já levanta algumas dúvidas na Inglaterra sobre o trabalho de José Mourinho, e o próprio treinador é o primeiro a reconhecer a crise no clube.

"Eu defino este como o pior período da minha carreira. É uma experiência fantástica, mesmo que eu não queira repeti-la novamente", declarou nesta sexta-feira. "Os jogadores sabem quando cometem erros. Não sei como é no escritório de vocês, mas ninguém parece se importar com seus erros", completou o irritado treinador.

Mourinho se mostrou preocupado com as falhas de seus jogadores e garantiu que tem conversado com eles. "Aqui, nós conversamos abertamente. Nós criticamos as pessoas sem qualquer tipo de problema. Não há ''prima donnas'' chorando. Todos querem ir bem e aceitam as críticas. Todos sabem seu trabalho e que têm decepcionado o time."

Tido como um dos melhores treinadores do mundo há pelo menos dez anos, Mourinho se vê questionado e pressionado por esta péssima sequência, justamente no ano seguinte à conquista do Campeonato Inglês. E o português não se furta a dividir a culpa pelo momento com os jogadores.

"Se um erro acontece no primeiro tempo, conversamos no intervalo, se acontece no segundo tempo, falamos sobre isso no dia seguinte. Nunca falamos após o jogo. Eu vou para a coletiva, eles para o chuveiro. Depois da partida nunca tenho uma má reação. É hora de se acalmar e ir para casa", comentou.

NOVO GOLEIRO

Em meio à instabilidade, o Chelsea deve confirmar um novo reforço em breve. O experiente goleiro Marco Amelia, campeão do mundo em 2006 com a seleção italiana, está treinando no clube e deve assinar nos próximos dias. Aos 33 anos, o ex-jogador do Milan está sem contrato e, por isso, pode fechar com os ingleses para brigar pela titularidade com Begovic, já que o dono da posição, Courtois, está afastado por lesão pelo menos até o início de dezembro.

"Ele (Amelia) é um goleiro experiente. Ele sabe o que é um clube grande, conhece a responsabilidade. Ele jogou a Liga dos Campeões e por sua seleção nacional, mas não vinha jogando tanto nos últimos dois anos", disse Mourinho. "Estamos analisando e com o que temos em mãos, achamos que Marco poderia ser uma boa possibilidade para nós. Vamos ver e decidir nos próximos dias."S

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.