Estreante no Maracanã, Ernani quer vingança vascaína

O lateral-esquerdo Ernani fará contra o Bahia, no próximo sábado, pela 32.ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, o seu primeiro jogo no Maracanã com a camisa do Vasco. No duelo, o jogador espera ajudar o time a dar o troco no rival, que derrotou a equipe carioca no primeiro turno da competição nacional.

AE, Agencia Estado

21 de outubro de 2009 | 15h56

"Aquela partida contra o Bahia em Salvador foi o meu pior jogo com a camisa do Vasco. Eu queria muito a vitória e me machuquei por não ter conseguido. Ainda não atuei no Maracanã jogando pelo Vasco e ali é um palco onde todos os jogadores querem atuar. Eu espero novamente poder estar em campo e conseguir a vitória sobre o Bahia", afirmou Ernani.

O jogador, porém, prevê dificuldades no confronto. "Todos os jogos tem sido muito difíceis e a nossa campanha tem sido de muita luta neste campeonato. Todos os adversários enfrentam o Vasco como se fosse o último jogo e o Bahia vai dar trabalho", acrescentou.

Já o atacante Aloísio destacou a importância de a torcida do Vasco comparecer em peso ao Maracanã. "O apoio da torcida vai ser muito importante para a nossa equipe na partida. Se no jogo contra o Ipatinga colocamos 80 mil pessoas, tenho certeza de que contra o Bahia a nossa maravilhosa torcida vai ser de 100 mil lá dentro e o Maracanã vai ficar lotado", exagerou o jogador.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.