Estudantes ingleses são vítimas do "golpe do ingresso"

Cerca de 350 estudantes ingleses, de 11 a 15 anos, embarcaram à Alemanha para assistir ao jogo entre República Checa e Gana, pelo Grupo E do Mundial. No entanto, quando eles chegaram em Colônia, local da partida, perceberam que tinham caído num golpe, já que não havia ingressos para esse duelo.Assim que chegaram à Alemanha, os estudantes receberam a informação de que os ingressos não estariam disponíveis para aquele jogo, mas eles poderiam ver outra partida - só que mais uma vez eles foram enganados, e acabaram vendo o Mundial pela televisão.A empresa Tickets For All, responsável pela comercialização dos ingressos, efetuou vendas para diversas agências de viagens - entretanto, essa empresa não possuía registro. "Nós e nossos clientes fomos vítimas do golpe do bilhete", informou um porta-voz da agência Activ4, que tinha comprado parte das entradas da Tickets For All.Só da Escola Mayville, em Portsmouth, no sul da Inglaterra, 23 estudantes acabaram como vítimas desse golpe. Segundo James Collins, um dos professores da escola, os adolescentes pagaram cerca de 93 euros pelas entradas.Os estudantes já voltaram para a Inglaterra.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.