Estudiantes empata e é eliminado na Sul-Americana

Campeão da Copa Libertadores da América e vice do Mundial de Clubes da Fifa, ambos em 2009, o Estudiantes segue em má fase na atual temporada. Depois da queda na Libertadores deste ano - para o Internacional, nas quartas de final - e a perda do título da Recopa Sul-Americana para a LDU, do Equador, a equipe argentina foi eliminada nesta quarta-feira da Copa Sul-Americana, logo na primeira fase da competição.

AE, Agência Estado

23 de setembro de 2010 | 00h07

O terceiro revés internacional do ano aconteceu após o empate por 1 a 1 com o Newell´s Old Boys, no estádio Centenário, em Quilmes (região metropolitana de Buenos Aires. Na partida de ida, na semana passada, em Rosário, o Estudiantes havia sido derrotado por 1 a 0. Federico Fernández fez o primeiro gol do jogo para os donos da casa, aos 12 minutos do primeiro tempo, mas Iván Borghello empatou aos 43 da primeira etapa.

Com o empate, o Newell´s se classificou às oitavas de final e terá pela frente o San José, da Bolívia. O time de Oruro avançou ao golear em casa o Atlético Huila, da Colômbia, por 4 a 0, nesta quarta. Na ida, em território colombiano, houve igualdade por 1 a 1.

Mais cedo, no Peru, o Defensor Sporting, do Uruguai, confirmou a classificação às oitavas mesmo com a derrota por 2 a 0 para o Sport Huancayo. Isso porque no jogo de ida, em Montevidéu, na semana passada, o time uruguaio havia goleado por 9 a 0. Seu próximo rival será o Independiente, da Argentina.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCopa Sul-AmericanaEstudiantes

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.