Estudiantes vence Defensor e sai na frente no Uruguai

Algoz do Boca Juniors nas oitavas de final da Copa Libertadores, o Defensor Sporting não conseguiu repetir a boa atuação contra o Estudiantes e foi derrotado por 1 a 0, nesta quinta-feira, em Montevidéu, pelo jogo de ida das quartas de final da competição.

AE, Agencia Estado

28 de maio de 2009 | 21h57

Com a vitória, o Estudiantes saiu na frente em busca da vaga na semifinal. Agora o time argentino joga por um empate na partida de volta, em La Plata, no dia 18 de junho. Já o Defensor precisará vencer fora de casa, assim como fez contra o Boca Juniors na semana passada.

Mesmo jogando longe de sua torcida, o Estudiantes dominou o jogo. O time visitante mostrou boa força ofensiva desde o início e só não abriu o placar logo aos 7 minutos de jogo graças à grande atuação do goleiro Martín Silva.

Quatro minutos depois, no entanto, Desábato aproveitou cruzamento de Verón e inaugurou o marcador. Ainda no primeiro tempo, a partida ficou violenta e Curbelo, do Defensor, e Angeleri, do Estudiantes, receberam cartão vermelho, aos 25 minutos e estão fora do jogo de volta.

No segundo tempo, os donos da casa continuavam a mostrar dificuldade para impor o seu ritmo de jogo. Dessa forma, foi o Estudiantes que esteve mais perto de balançar as redes e ampliar o placar. Na melhor chance do time, Boselli acertou o travessão aos 24 minutos após boa jogada individual.

O vencedor deste confronto, que será definido no dia 18, deverá ser o adversário do time classificado no duelo entre Palmeiras e Nacional, do Uruguai.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.