Eto'o é suspenso por 15 jogos na seleção de Camarões

O atacante Samuel Eto''o foi suspenso pela Federação Camaronense de Futebol por 15 partidas como punição por ter liderado uma greve de jogadores no mês passado. Assim, ele deverá perder boa parte das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2014, no Brasil. A seleção de Camarões, em crise, não conseguiu se classificar para a Copa Africana de Nações, que acontece no ano que vem.

AE, Agência Estado

16 de dezembro de 2011 | 21h33

O episódio da greve ocorreu depois de um torneio no Marrocos. Eto''o e seus companheiros se recusaram a viajar para um amistoso contra a Argélia, no dia 15 de novembro, dizendo que a federação não havia cumprido a promessa de pagar um bônus. Assim, o jogo foi cancelado.

Eto''o, atualmente no Anzhi, da Rússia, não foi o único punido. Vice-capitão da seleção, Enoh Eyong foi suspenso por dois jogos, enquanto Assou-Ekotto foi multado em cerca de 2 mil dólares. Os três têm dez dias para apelar da decisão.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolEtooCamarões

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.