Luca Bruno/AP
Luca Bruno/AP

Eto'o pede desculpas por cabeçada em Bostjan Cesar, do Chievo

Atacante vai desfalcar a Internazionale de Milão por três jogos e apontou histórico para se defender

AE, Agência Estado

24 de novembro de 2010 | 12h27

MILÃO - O atacante camaronês Samuel Eto'o pediu, nesta quarta-feira, desculpas, através de uma comunicado oficial, por ter dado uma cabeçada no defensor esloveno Bostjan Cesar, durante a partida entre Inter de Milão e Chievo Verona, disputada no domingo e válida pelo Campeonato Italiano.

"Peço desculpas a todos que participaram do jogo, ao trio de arbitragem, que não pôde ver a falta porque estava fora do seu campo visual. Mas também a todos os torcedores da Inter e aos fãs de futebol. Também peço desculpas aos meus treinadores e aos meus companheiros de equipe, que terei que deixar durante três partidas do Campeonato Italiano. Também pedi desculpas pessoalmente ao presidente [da Inter de Milão, Massimo] Moratti, que me deu toda confiança".

Pela agressão, Eto'o foi suspenso por três partidas do Campeonato Italiano e foi multado em 30 mil euros (cerca de R$ 69 mil). O atacante camaronês prometeu que a situação não irá se repetir. "É a primeira vez que faço algo assim, podem confirmar todos os torcedores que me conhecem e me veem jogar há vários anos".

Tudo o que sabemos sobre:
futebolInternazionaleEto'ocabeçada

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.