Euller deve jogar ao lado de Romário

O treino desta quinta-feira foi a primeira oportunidade do técnico Luis Felipe Scolari testar na Granja Comary variações táticas desde que os jogadores começaram a se apresentar, na segunda-feira. Armou o time no esquema 3-5-2 e no 4-4-2. Sempre utilizando Mauro Silva. Os laterais Cafu e Roberto Carlos também tiveram desempenho importante.Pela equipe que iniciou o treino, Scolari deixou claro que Euller tem a sua preferência para jogar ao lado de Romário no ataque, na partida contra o Uruguai, em 1º de julho, pelas eliminatórias do Mundial de 2002. A opção deve se dar também pelo fato de a dupla atuar junta no Vasco. "Além disso, o Euller é um jogador de extrema velocidade, avança pelos dois lados."A comunicação entre Luiz Felipe Scolari e Romário está cada vez melhor. Prova disso aconteceu nas atividades à tarde, durante treino tático na Granja Comary. O treinador escolheu Cafu para ensaiar cobranças de escanteio pelo lado direito. "Bata em curva, Cafu", pediu. Mas o lateral, talvez cansado pela longa viagem de Roma ao Rio de Janeiro, não conseguia acertar o cruzamento. Dentro da área, Romário sorria maliciosamente e balbuciava alguma coisa ao goleiro Marcos a cada cobrança errada. Depois da terceira, não se conteve e sugeriu a Scolari: "Professor, bota o Fábio (Rochemback) para bater." Diplomático, Scolari, respondeu: "Daqui a pouco ele vai, estou observando para ver os melhores."Mas o treinador acabou acatando a idéia de Romário. Minutos depois, em novo escanteio pelo mesmo setor, Scolari chamou o meia Fábio Rochemback para efetuar a cobrança. Em seguida, houve uma inversão de lado e Fábio continuou exercendo a tarefa. Mereceu elogios de Scolari. "Boa bola, guri, capricha de novo." O mais jovem integrante da seleção, de apenas 19 anos, ficou envaidecido ao saber do pedido do veterano atacante. "Puxa, foi o Romário que disse isso? Que bom."

Agencia Estado,

21 de junho de 2001 | 19h39

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.